• Cinema
  • Inspiração
  • Leitura
  • Música
  • Playlist
  • Resenha
  • Série
  • Texto
  • Vídeo
25 fevereiro 2018

Resenha: Um Sedutor Sem Coração, Lisa Kleypas

                                                       Resultado de imagem para um sedutor sem coração

Título: Um Sedutor Sem Coração #1( Série Os Ravenels)
Autora: Lisa Kleypas
Editora: Arqueiro
Gênero: Romance de época
Páginas: 320
Sinopse: Devon Ravenel, o libertino mais maliciosamente charmoso de Londres, acabou de herdar um condado. Só que a nova posição de poder traz muitas responsabilidades indesejadas – e algumas surpresas.
A propriedade está afundada em dívidas e as três inocentes irmãs mais novas do antigo conde ainda estão ocupando a casa. Junto com elas vive Kathleen, a bela e jovem viúva, dona de uma inteligência e uma determinação que só se comparam às do próprio Devon.
Assim que o conhece, Kathleen percebe que não deve confiar em um cafajeste como ele. Mas a ardente atração que logo nasce entre os dois é impossível de negar.
Ao perceber que está sucumbindo à sedução habilmente orquestrada por Devon, ela se vê diante de um dilema: será que deve entregar o coração ao homem mais perigoso que já conheceu?
Um sedutor sem coração inaugura a coleção Os Ravenels com uma narrativa elegante, romântica e voluptuosa que fará você prender o fôlego até o final.


 Devon Ravenel herdou um condado, porém seu primo, Theo, não te deixou a herança esperada: dívidas + as três jovens irmãs de Theo + sua viúva. Devon quer se livrar desses problemas e responsabilidades e por isso, acaba indo para Hampshire com Weston, seu irmão, afim de fazer um inventário para vender as terras.Porém, quando conhece a jovem viúva Kathleen, tudo muda.

 "Que situação terrível, pensou Devon inconformado. Uma propriedade arruinada, uma fortuna quase no fim e uma mulher que não poderia ter. Kathleen permaneceria de luto por um ano e um dia, e mesmo depois disso estaria fora do alcance dele. Ela nunca se rebaixaria a ser amante de qualquer homem, e, depois do que suportara com Theo, não desejaria nada com outro Ravenel."

Kathleen é uma jovem bela e perdeu seu marido apenas com 3 dias de casados. Por isso, acaba tomando conta das suas três cunhadas: Helen, Cassandra e Pandora. Assim, Kathleen sabe que não deve confiar em um patife como Devon, não para cuidar das terras do seu falecido marido.   Porém, essa convivência deles levará a um jogo de sedução e dilemas:  será que Kathleen deve entregar seu coração a um patife ?

Um sedutor sem coração é o primeiro livro da série Os Ravenels. Essa é minha primeira experiência com Lisa Kleypas. Inicialmente, achei a história parada, com medo que não fosse me instigar:primeiro por Kathleen ser tão irritante e Devon tão dono da verdade,arrogante e com umas atitudes horríveis.

Devon e Kathleen são geniosos, com personalidades fortes e vivem como cão e gato. Devon sabe que Kathleen é demais para si, além de ser a viúva do seu primo.Um mocinho que não é romântico e nem cavaleiro, grosseiro mesmo.E Kathleen sabe que não pode confiar em um homem tao cheio de verdades e problemas. Apesar, de ser razinza,  entendi a dureza das emoções de Kathleen: uma mulher que não se permitiu viver seu luto e teve que cuidar das suas cunhadas, porém muito controversa.

 Kathleen é a garota mais descabida que já conheci: cobra um comportamento de mocinha, mas na verdade, rompia todas as regras da sociedade. E infelizmente, isso me irritou na leitura, já que minha vontade era meter um livro na cabeça dessa garota. O romance entre Kathleen e Devon é fraco e como em um jogo de gato e rato, foi difícil acreditar se essa historia teria um final feliz. Outro fator que me desanimou foi ter a narração do romance de Helen e Rhys, que é o casal protagonista no segundo livro. Afinal,o que poderia ser apenas uma cena, acabou roubando mais do que um capitulo.

"[...] Conheço muitos fatos científicos sobre o coração humano, e um deles é que é muito mais fácil fazer um coração parar de bater em definitivo do que evitar amar a pessoa errada."  


Tenho a impressão que estou sendo dura demais, mas preciso ser sincera, não é? Apesar dos apesares, gostei mesmo foi dos personagens secundários. West é super divertido. Helen, Cassandra e Pandora são a graça do condado e cheia de espirito.

Agora, pausa para essa capa linda demais da Editora Arqueiro.E mesmo não tendo gostado tanto assim desse livro, insistirei na série e em outros livros da Lisa Kleyplas.  Afinal, o epilogo me deixou com um gostinho sobre a história da Helen.

Nota:★(3,5/5)


divulgar

comentar


Comentário(s) pelo Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário