• Cinema
  • Inspiração
  • Leitura
  • Música
  • Playlist
  • Resenha
  • Série
  • Texto
  • Vídeo
22 março 2018

Resenha: É assim que acaba, Colleen Hoover


Título: É assim que acaba

Autora: Collen Hoover
Editora: Galera Record
Páginas: 368
Ano:2018 


Sinopse: Lily nem sempre teve uma vida fácil, mas isso nunca a impediu de trabalhar arduamente para conquistar a vida tão sonhada. Ela percorreu um longo caminho desde a infância, em uma cidadezinha no Maine: se formou em marketing, mudou para Boston e abriu a própria loja. Então, quando se sente atraída por um lindo neurocirurgião chamado Ryle Kincaid, tudo parece perfeito demais para ser verdade. Ryle é confiante, teimoso, talvez até um pouco arrogante. Ele também é sensível, brilhante e se sente atraído por Lily. Porém, sua grande aversão a relacionamentos é perturbadora. Além de estar sobrecarregada com as questões sobre seu novo relacionamento, Lily não consegue tirar Atlas Corrigan da cabeça — seu primeiro amor e a ligação com o passado que ela deixou para trás. Ele era seu protetor, alguém com quem tinha grande afinidade. Quando Atlas reaparece de repente, tudo que Lily construiu com Ryle fica em risco. Com um livro ousado e extremamente pessoal, Colleen Hoover conta uma história arrasadora, mas também inovadora, que não tem medo de discutir temas como abuso e violência doméstica. Uma narrativa inesquecível sobre um amor que custa caro demais.

Sabe porque Colleen Hoover é rainha dos NA? Porque ela consegue nos fazer todas as emoções possíveis. E com esse livro, sinto que preciso te avisar do quão doloroso, feio, sensível e bonito ele pode ser.É assim que eu me acabo.Estou lutando para expressar o quanto amei esse livro, o quanto sofri e me emocionei. Sim, eu gostaria de enfatizar que Coho é maravilhosa e que esta é uma história que você precisa ler sem saber de muita coisa, para apreciar a avalanche que será esse romance.
Lily nunca teve uma vida muito fácil, porém nem seus problemas a impediram de sonhar e realizar tudo o que sempre quis. Uma personagem inteligente, forte e corajosa. Foi impossível não sentir na pele tudo o que ela passou. Ryle é um personagem cativante, apaixonante e logo de cara vemos o quão determinado ele é. Atlas é fofo,humilde, sonhador, aquele garoto que seria seu melhor amigo facilmente ou mais do que isso. Porém, nao espere um triangulo amoroso. Essa não é uma história com foco romântico, mas sim um meio para um fim.
"Todos os humanos cometem erros. O que determina o caráter de uma pessoa não são os erros que cometemos. É como nós tomamos esses erros e transformá-los em lições em vez de desculpas.”
Quer uma verdade nua e crua?  Eu já sabia que amaria esse livro da Colleen Hoover, antes mesmo de ler, porque de duas coisas eu tenho certeza: que vou ficar de olhos marejados e que terminarei o livro com o coração destruído. Então , esteja preparado para o que lerá. Abra o seu coração e permita-se sentir e aprender com a autora. Essa experiência pode mudar tudo para ti. ⠀⠀ ⠀⠀ ⠀⠀ ⠀⠀ ⠀⠀ ⠀⠀
“As vezes é preciso quebrar o coração para quebrar um ciclo! Mas como é difícil! ⠀⠀ ⠀⠀


É certamente um dos melhores livros da autora e o melhor livro que li acerca do tema mencionado. Impactante, cru e delicado, ao abordar uma situação horrível que acontece com muitas mulheres todos os dias. 

Intenso, angustiante, forte e reflexivo. Uma história que irá dilacerar seu coração, reconsiderar todos os seus pensamentos sobre abuso e violência domestica. Colleen Hoover não tem medo de discutir esses temas com uma narrativa que será inesquecível sobre o quanto o amor pode custar caro para alguém e o quanto amar também pode quebrar seu coração. Decisão,amor,perdão, erros e acertos fazem parte desse dilema.

 PS: Não se esqueçam de ler a nota da autora e conhecer a verdadeira história por trás de Lily e Ryle. Viciante, difícil e real,  que orgulho desse livro. Só leiam, por favor.


"Talvez o amor não seja algo que vem no formato de um ciclo completo. Ele apenas flutua, pra dentro e pra fora, assim como as pessoas entrando e saindo das nossas vidas."



Nota:★(4,5/5)


divulgar

1 comentário


Comentário(s) pelo Facebook:

Um comentário:

  1. Oi, lindona!
    Tudo bem?

    Já acompanho você pelo insta e acho lindo, agora me apaixonei por aqui também.

    Mas infelizmente não tenho a mesma relação de amor que você tem com a CoHo. Pelo contrário, li dois livros dela que não gostei, um deles NOVEMBRO 9. Eu encontrei tanta coisa que me incomodou que me fez decidir não ler mais a autora. No entanto, TALVEZ UM DIA é uma exceção. Tenho ele aqui até hoje.

    - Bjux,
    Diego || Blog Vida & Letras ♥
    www.vidaeletras.com.br

    ResponderExcluir