• Cinema
  • Inspiração
  • Leitura
  • Música
  • Playlist
  • Resenha
  • Série
  • Texto
  • Vídeo
21 maio 2014

Resenha: Quando eu era Joe - Keren David


anjos
 Título: Quando eu era Joe (#1)
Autor: Keren David
Páginas: 318
Ano: 2014
Tradutor: Geraldo Cavalcanti Filho
Editora: Novo Conceito
Sinopse :Imagine o que é perder, em uma única noite, sua casa, seus amigos, Como é possível viver mentindo sobre todas as coisas? Sua escola e até mesmo o seu nome. Aos 14 anos, Ty presencia um crime bárbaro num parque de Londres. A partir desse momento, tudo muda para ele: a polícia o inclui no programa de proteção à testemunha, e Ty é obrigado a assumir uma vida diferente, em outra cidade. O menino ingênuo, tímido, que costumava ser a sombra do amigo Arron, matricula-se na nova escola como Joe... E Joe não poderia ser mais diferente de Ty: faz sucesso com as meninas, torna-se um corredor famoso... Joe é tão popular que acaba incomodando os encrenqueiros da escola. Ser Joe é bem melhor do que ser Ty. Mas, logo agora, quando ele finalmente parece ter se encaixado no mundo, os atentados e ameaças de morte contra sua família o obrigam a viver no anonimato, em fuga constante e sob a pressão de prestar depoimentos sobre uma noite que ele gostaria de esquecer. Um livro – de tirar o fôlego! – sobre coragem e sobre o peso das consequências do que fazemos.

         Quando eu era Joe, da Keren David, é um drama cheio de reviravoltas e conflitos internos. O livro é narrado em primeira pessoa, pela Joe, que traz uma linguagem informal e super fácil de explicar sua vida e suas mudanças repentinas.
     Tyler é um menino de 14 anos que presencia um assassinato de seu amigo. Quando a polícia descobre que Tyler está envolvido, ele e sua mae ( Nicki) entram para o programa de proteçao á testemunha. Logo, sao obrigados a sair de Londres, em direçao a uma cidade no mais no interior. Assumem novas identidades. Nicki, sua mae, torna-se Michelle, e Tyler, seu filho, Joe. O menino além de novos documentos, novo nome, muda seu visual e sua personalidade. De reservado, inseguro, torna-se popular e social.

   Joe começa a praticar atletismo, e Ellie, sua treinadora, aposta todas suas fichas nele devido ao seu talento. Joe começa a questionar suas escolhas, sua vida antes de ser Joe. Começa grandes amizades, enfrenta alguns inimigos no colégio e experimenta gostar de alguém: Claire.
    Esse primeiro livro da Keren tomou toda minha atençao. Joe parece ser um mentiroso nato, se acostumou a mentir e eu questionei em todos os capitulos quem ele queria ser, e se estava dizendo a verdade em algum momento.
  "Sorte minha não estar sentindo nada neste momento. Se sentisse, estaria apavorado."
      O suspense cresce a capa pagina. Nunca pensei que fosse gostar tanto desse livro e identificar tanto essa realidade. Problemas de bullying, auto mutilaçao, gravidez durante a adolescencia, drogas, Keren retrata de tudo um pouco, e mostra como a vida pode ser cruel. Quando eu era Joe mostra a história de um garoto que foi obrigado a amadurecer e encarar problemas para seguir em frente com sua vida.
  Este é o primeiro livro e estou bem ansiosa para o segundo, para desvendar esses mistérios que aconteceram ao longo do livro.

“Você pode enganar algumas pessoas o tempo todo ou todas as pessoas durante algum tempo, mas você não pode enganar todas as pessoas o tempo todo.”―Abraham Lincoln
NOTA : ★★★★


divulgar

comentar


Comentário(s) pelo Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário