• Cinema
  • Inspiração
  • Leitura
  • Música
  • Playlist
  • Resenha
  • Série
  • Texto
  • Vídeo
31 março 2014

Quem de nós dois ?

Por Bia Leite



    Será que você pensa em mim do mesmo jeito que eu? Será que se lembra do primeiro beijo? Da primeira vez que me apresentou para sua família? Ou quando andamos de mãos dadas correndo na rua?

   Lembra-se de quando completamos 1 ano e você me leve ao ponto mais alto da cidade para dizer a mim que seu amor era maior que tudo aquilo? Lembra da primeira noite juntos?

  Lembra-se da discussão sobre o que fazer depois do café? Lembra quando entrei no casamento da sua prima de madrinha e você estava querendo nos casar ali mesmo? O que aconteceu com aquilo que chamávamos de amor? Onde foi parar o seu? O meu continua eternizado.

   O seu deve ter sido jogado por aí, impulsivo e ignorante como você era. Alguém me disse que você viajou porque queria esquecer. Esquecer-me. Tentei fingir que a fila já tinha andado. Mas a fila do meu coração nunca teve vaga. Você era o único que o ocupava. Quem de nós dois errou?


divulgar

comentar


20 : muito o que aprender

Por Bia Leite

 Hoje, ao pensar que estou fazendo 20 anos, levo aquele choque. Estou ficando mais velha, mesmo nao parecendo tanto. Nao vou fazer festa, nem viajar, ou algo do tipo. Acho que só me sinto mais independente, mesmo nao sendo completamente ainda.
      20 anos chegaram, mas nao mudou nada. Continuo na mesma: mesmo rostinho, mesma menininha e mesmos sonhos. Continuo morando sozinha, larguei um curso para tentar o que sempre quis. Não comemorei como pessoas normais fazem: bebendo, festas. Nunca tive essa cara. Sou daquelas que ficar em casa, assistir series, ler bons livros ou ir para o cinema são boas comemorações.
      Nao me tornei mais inteligente, nem mais experiente,me tornei mais sabia. Escolho as palavras e nao as vomito mais. Escolho as açoes e nao apenas frases entrecortadas. Se é que me entende. Cresci, isso é verdade.
     Tenho carteira de motorista, ganhei meu carro, fiz um blog para compartilhar meus pensamentos e amores, comprei mais livros do que podia, ganhei mais presentes do que esperava. Trouxe comigo mais sorrisos do que pretendia.
     Minha vida sempre foi um prefacio a ser construido, sempre tenho algo a acrescentar, alguma coisa a fazer e concluir. Maturidade nao cai do céu, e não é porque fiquei um ano mais velha que preciso abandonar todas as coisas que me fazem ser quem eu sou, mesmo me tornando um pouco infantil ainda.
      É complicado mudar. Dificil envelhecer. E crescer é um desafio.Ninguém se torna adulto de um dia para outro. Acho que tudo é uma questão de como você ver o que está ao seu redor e como você pode aprender algo daquilo. Ou seja, todo ano são novas experiencias, novas aventuras, novos amigos e novos amores.
   Prefiro ser "criança" o tempo todo, gostar de quadrinhos, desenhos, livros, músicas,rock e vestidos. Prefiro chocolate a uma xicara de café. Prefiro atitudes que palavras. Prefiro ler romance o tempo todo. Assistir aquele filme de super herois. E fazer todas as coisas que me fazem feliz.
 Fazer 2.0 anos nao é lá grande coisa. Continuo a mesma pequena, voraz, sem miolos na cabeça, querendo que os dias de sol sejam mais frios que calorentos , haha. Quanto a maturidade, bem, para que pressa não é? #happybirthday


divulgar

comentar

29 março 2014

Fim

Por Felipe Sena


      Então descubro a dor do fim, um fim que já foi dito há anos. Descubro o quanto insuportável é ter boas lembranças e às vezes inevitavelmente deseja-las novamente. Descubro que as promessas de estar sempre ao lado quando precisar são apagadas quando se encontra outra pessoa; supostamente melhor que o grande amor da sua vida.
     Descubro que mesmo que acredite, princesas só existem em historias infantis, que juras de amor são só ilusões. O amor é uma mentira. É hoje e pode não ser amanha. Como esquecer uma pessoa que sempre te fez bem? Como tornar um completo estranho uma pessoa que você mais amou na vida e que conseguiu te fazer feliz como nunca antes havia sido? 
    Caso precise de provas, ainda tenho fotos e textos com suas desenhadas letras. Não entendo como ainda posso lembrar-me do teu cheiro, teu sorriso e seu jeito manso de falar comigo. Teu endereço ainda tenho decorado, só pra quando encontrar a mais linda flor conseguir te entregar. Amar é ser IDIOTA, ou vai me dizer que não estás me achando lendo este texto?
 
Preciso me livras das lembranças, preciso me desprender do meu passado, preciso ser um pouco frio, um pouco você!
 
Vou encontrar um novo alguém, um não que substitua você, mas que apague de vez. Já  bebi minhas culpas, meus venenos e meus vinhos. Serei um novo homem, um homem sem reinos e sem princesa.


divulgar

comentar

28 março 2014

Dois.Um.

Por Bia Leite


 Ela é uma garota.
                                                                                        Jeito de mulher. E às vezes, menina.
                                                                                                                    Tudo o que ela é.
                                                                                                    Não é comum. É excêntrica.
Chamam-na de solitária, mas ela não acha que solidão quer dizer algo ou quer dizer tudo. É ela que quer ter o mundo em suas mãos.E eu só quero minhas mãos nela.

    
 Ela odeia quando tocam no cabelo dela,mas gosta quando eu passo meus dedos entre seus fios e a puxo para mim. Odeia seu sobrenome. Ser julgada a deixa irritada. Ser alvo de olhares me deixa irritado. E eu faço o que posso para chamá-la de minha senhora, dando o meu sobrenome. 


    Toco seu pescoço e dou um beijo, você se desmancha por inteiro. Te desarmo com meus segredos e você me conta teus desejos. Ela sabe o que eu penso. E eu sei o que ela quer: uma casa grande, um futuro brilhante e dois corpos como um só. Só nos. 


Segure minha mão, querida. Aperte-me mais, esta frio demais. Permita-me prender seu fôlego. Deixe nossas mentes viajarem e se encontrarem de novo. E eu continuo tentando descrever.


 Ela dança ao som de uma melodia qualquer. Vira e roda diferente de toda mulher. Joga o cabelo como se estivesse pronta para outra diversão. Olha como um gavião prendendo sua presa me fazendo perder a respiraçao. Sorrir como se visse as coisas mais lindas do mundo. Contas suas histórias como se fosse música. Segura minha mão como se tudo fosse acabar ali mesmo. 


Uma casa. Dois corpos. Um admirador. Uma deusa. Duas bocas. Um amor maior que todos.


divulgar

comentar

27 março 2014

Adeus.

      Por Bia Leite

  Estávamos tão perto. Você estava aqui. Eu era pequena demais para seus abraços, mesmo assim me seguraste. Segure-me mais forte. Não deixe que me levem para longe. É difícil assim segurar minhas mãos da forma mais forte que conseguires? É tão fácil assim me deixar ir ? Pelo visto, não existem medidas certas.
       Garota pequena demais para seu amor e você grande demais para o que tem ai no peito. Te amei tanto , e você me largou no primeiro instante. Nem sequer gostou de mim. Combinamos de nos completar. De sermos a metade da laranja. Vivi uma metade silenciosa. Seu silêncio já não me completava mais. Não adiantava fingir que ainda estava aqui. Soltaste minha mão tão rápido, que tudo o que eu tinha foi tomado de mim. Enquanto eu transbordava, você esvaziava.
    Eu era uma brincadeira? Um desejo bobo? Alguém para ser riscado da sua lista de paixões? Ah, meu querido. Deixa eu te falar uma coisa. Quero que escute de mim e veja que sou inteira. Que desperdaçar meu coraçao, só me derá mais vontade de encontrar a felicidade por ai, e mostrar a voce que perdeu alguém que te amou mais que ela mesma.
  De todas as vezes que terminamos, essa será a menos dolorosa. Por acaso achas que voltarei? Não seja convencido. Não ache que sou boba o bastante para o que sinto. Não volto, não mais. Deixarei você, como alguém que deixa o que mais ama para trás. Não se arrependa por ter perdido a pessoa a quem te quis mais bem.


divulgar

comentar

26 março 2014

Por você.

Por Bia Leite



    Eu me perdi no momento que te vi. Naquela tarde quente, eu perdi minha cabeça, meu coração quase saiu pela boca de tão forte que batia. Nem sei direito qual é a sensação de amar alguém. 

    É mais do que confessar seu amor, mais do que beijos demorados ou selinhos rápidos. Mais do que sussurrar uma bobagem no ouvido. Mais do que provocar o outro. É ficar na cama e querer você também lá. 

    É ver uma frase por aí, e lembrar de você. É pensar em você e não conseguir mais dormir porque as horas passaram e você nem notou. É mais do que andar de mãos dadas pela rua e quando chega em casa ficar corpo a corpo, brincando com os pés. 

    Amar é sempre o "mais" da nossa vida. É quando o nós passa a ser um o tempo inteiro. Não existem brigas que acabam esse sentimento. Não existe tristeza que apague a compreensão do outro. Nem tragédia que enfraqueça. Tudo fortalece tudo suporta tudo aguenta. Por amor e pelo seu amor.


divulgar

comentar

25 março 2014

Em direção

Por Bia Leite


    Estou recolhendo os cacos do meu coração no chão, vou jogá-los fora e vou viver. Estou fazendo o melhor depois que fostes embora da minha vida. Não me sinto mais quebrada. Vivo minhas emoções ao máximo.
    Estou fazendo o que posso para encontrar meu brilho, para me doar de corpo e alma aos meus sonhos. Cansei de viver escondida nas nuvens, de sobreviver as suas cinzas. Eu vou correr o que posso, para o além do horizonte.
    Você viu meu pior, agora se prepara para ver do que sou capaz. Vou me libertar das noites chorando, das incertezas, das lembranças do passado, dos seus erros. Fizeste uma decisão certa. Olha só quem não está com problemas.
   Quem abre a janela do quarto e é iluminada pelos céus. Estou em movimento. Estou em cores. Agora eu posso me movimentar em meio às rachaduras. Encontrei-me novamente naquela noite, depois que foi embora.
   Já não tinha fé para correr essa corrida. Não achava que ia chegar a lugar nenhum. Mas agora, é tudo o que eu quero. Ir de um lugar nenhum a outro. Não parar. Quer tentar? Não vou apostar corrida para ganhar, só quero alguém para segurar minhas mãos na linha de chegada e rir até morrer, gargalhar.


divulgar

comentar

22 março 2014

Garota Exemplar - Gillian Flynn


   Já faz algum tempo que queria comprar Garota Exemplar. Sua capa toda em preto e letras alaranjadas me chamou a atenção. Daí, ganhei finalmente ele de aniversário( bendito seja o mês de março e que eu ganhe muito mais). 
     Já é meu 15º livro deste ano e eu adorei. È um livro instigante, uma história que te prende desde os primeiros capítulos e você fica se perguntando: O que aconteceu com Amy? O que Nick escondia? Eu parei em meio a um capitulo ou outro para tentar desvendar o mistério e cheguei bem perto ;)

SINOPSE :Uma das mais aclamadas escritoras de suspense da atualidade, Gillian Flynn apresenta um relato perturbador sobre um casamento em crise. Com 4 milhões de exemplares vendidos em todo o mundo – o maior sucesso editorial do ano, atrás apenas da Trilogia Cinquenta tons de cinza –, "Garota Exemplar" alia humor perspicaz a uma narrativa eletrizante. O resultado é uma atmosfera de dúvidas que faz o leitor mudar de opinião a cada capítulo. Na manhã de seu quinto aniversário de casamento, Amy, a linda e inteligente esposa de Nick Dunne, desaparece de sua casa às margens do Rio Mississippi. Aparentemente trata-se de um crime violento, e passagens do diário de Amy revelam uma garota perfeccionista que seria capaz de levar qualquer um ao limite. Pressionado pela polícia e pela opinião pública – e também pelos ferozmente amorosos pais de Amy –, Nick desfia uma série interminável de mentiras, meias verdades e comportamentos inapropriados. Sim, ele parece estranhamente evasivo, e sem dúvida amargo, mas seria um assassino? Com sua irmã gêmea Margo a seu lado, Nick afirma inocência. O problema é: se não foi Nick, onde está Amy? E por que todas as pistas apontam para ele?
    Garota Exemplar é um livro de suspense em que acompanhamos investigações do desaparecimento da Amy Elliot Dunne e suspeita de assinato. A história é narrada por Nick Dunne( marido e suspeito) e Amy, com partes de seu diário.
     O leitor vai conhecendo a história do ponto de vista de Amy, desde o dia que ela conheceu Nick até então seu desaparecimento. Logo, o que parecia ser um casamento perfeito, desaba. Vivendo juntos por cinco anos, Nick e Amy contam suas historias diferentemente. Daí , você se pergunta: Quem está dizendo a verdade? O que realmente está acontecendo? O que vai acontecer em seguida ?
     Amy desaparece e Nick é acusado de matar sua mulher, pois as provas encontradas estão o incriminando, além de seu comportamento ser bem tranquilo quanto a isso. Todos os anos Amy faz um caça ao tesouro. Dessa vez, Nick vai atrás das pistas que sua mulher deixou antes de desaparecer, o que no final levaria a um presente.

"Nick é como um com drinque forte: dá a perspectiva correta para tudo. Não uma perspectiva diferente, a perspectiva correta."


"Sempre gostei muito de nossas piadas internas - faziam com que me sentisse mais ligado a Amy do que qualquer quantidade de confissões, de sexo apaixonado ou de conversas até o amanhecer."

      Eu não leio muito livros de suspense, mas esse foi o mais incrível que já li. A história é muito bem construída. São personagens magníficos, imperfeitos, humanos sendo retratados dificuldades em casamentos e o quanto isso pode matar. A autora não tem receio em usar palavrões, ou descrever cenas de sexo (livro recomendado para maiores de 16 anos). O livro consegue virar também um tanto divertido com Go e Amy, com seus humores negros e suas artimanhas.

"Comercial de absorvente interno, comercial de sabão em pó, comercial de absorvente externo, comercial de limpa-vidros. Dá a impressão de que as únicas coisas que as mulheres fazem são limpar e sangrar."

     Gillian Flynn criou uma historia e pessoas impressionantes. Só queria um final mais impactante, porque achei que a história foi construida perfeitamente para um thriller.  Já mencionei que terá o filme e que já foram escolhidos os atores? Ben Affleck como Nick e Rosemund Pike como Amy. O filme está previsto para outubro de 2014. Então vamos esperar para ver como será a adaptação e que seja tão incrível e fiel ao livro :]
NOTA: 5/5

  ( Capa macabra da Entertainment *-*)


"A mente dela era tanto ampla quanto profunda, e fiquei mais inteligente por estar do seu lado. E mais atencioso, mais ativo, mais vivo e quase elétrico, pois, para Amy, o amor era como drogas, álcool ou pornografia: não havia limite."


divulgar

comentar