• Cinema
  • Inspiração
  • Leitura
  • Música
  • Playlist
  • Resenha
  • Série
  • Texto
  • Vídeo
30 março 2017

Resenha :Eu Estou Aqui ,Clélie Avit

Eu Estou Aqui
Título Original: Je Suis Là
Autora: Clélie Avit
Páginas: 288
Editora: Fábrica 231
Sinopse: No cenário frio e asséptico de um hospital surge a paixão entre Elsa, uma montanhista em coma há cinco meses depois de cair durante uma escalada, e Thibault, que se refugia no quarto da moça, por não querer visitar o irmão, o motorista bêbado que causou a morte de duas adolescentes num acidente automobilístico. Delicadamente composto, o romance mostra o envolvimento gradual entre dois personagens cuja comunicação se dá instintivamente. Enquanto Thibault pode conversar e incentivar Elsa a retomar o domínio de suas ações, a jovem ouve, percebe e sente toques em seu corpo, mas não tem como comunicar seus desejos e anseios. Os dois passam a se conhecer tanto pelo que transmitem um ao outro – Thibault em suas confidências, Elsa tentando demonstrar que corresponde a seus estímulos – quanto pelo que os amigos da montanhista comentam a respeito do rapaz ou falam a ele sobre Elsa. Junto da moça em coma, Thibault sente-se tranquilo e protegido da revolta contra o irmão, internado em estado grave no mesmo hospital. Elsa, embora cercada pela família e por amigos, se entusiasma com a ousadia de Thibault, que não se acanha em beijá-la. E quando os parentes discutem a possibilidade de desligar os aparelhos que a mantêm viva, é com ele que Elsa conta para lutar por sua própria sobrevivência.


Para ser sincera, eu gostei muito da capa. E só o fato de nunca também ter ouvido falar de Clélie Avit até então me atiçou a curiosidade. A escritora ganhou o prêmio Nouveau Talent 2015 por essa obra, e depois de ter lido, concordo plenamente com o veredito.

Elsa está em coma há quase cinco meses devido um acidente durante uma de suas escaladas nas montanhas , na qual foi totalmente soterrada por neve e sofreu traumas em todo o corpo.Depois desse tempo, sua família, os médicos acreditam que ela não possa se recuperar. Elsa sabe disso, pois apesar de não se mexer e não sentir nada, ela escuta tudo ao seu redor.

Assim também, ela sabe que Thibault entrou em seu quarto por engano, porém ele se sentiu tão calmo ali, que resolveu voltar mais vezes para visita-la, sempre às quartas feiras, dias em que tem que levar a mãe para ver o irmão , que sofreu um acidente que matou duas jovens de 14 anos. E por meio dessas visitas, rolará aquele romance imaginado.

Foi meio estranho ver esse romance desenrolar , tendo em visto que não há contato físico, nem comunicação entre os dois de maneira reciproca. É um livro dramático, logo o ritmo é um pouco lento no inicio, mas ao ler ficava na expectativa se Elsa iria acordar ou não , torcendo para que tudo desse certo.

Outra coisa interessante foi as partes narradas por Elsa, pois sua narração é diferenciada , já que ela só ouvi as coisas ao seu redor.

Eu Estou Aqui  trata a eutanásia(morte assistida) , de forma que pelo estado clínico de Elsa , surgem várias discurssões a cerca da sua vida. Acredito que não serão todas as pessoas que irão gostar de Eu Estou Aqui , pois o livro é lento, sem ação, mas com uma boa história a partir de um ponto de vista diferenciado: de uma mulher que quer muito acordar, viver novamente, mas seu corpo não permite.

Nota: ★★★


divulgar

comentar

24 março 2017

Adaptação de "Tudo e Todas as Coisas" ganha poster

                   
A versão cinematográfica de Tudo e Todas as Coisas, de Nicola Yoon, que conta a história de uma garota sem lugar no mundo exterior que ainda está tentando alcançar o mundo lá fora, ganhou uma capa de livro inspirada no filme e novo pôster.

“É um livro meio estranho. Minha maior preocupação era que o filme fosse capaz de capturar o espírito de Maddy, escrever esses comentários, desenhar e estar presa em sua casa, mas estar bem com isso “, diz Yoon, que viu o filme terminado há apenas três dias.
A autora também falou sobre a música do trailer, Naughty Boy “Runnin ‘(Losing It All), que é cantada por Beyoncé e Arrow Benjamin. “Eu sou grande fã da Beyoncé. Quando eu ouvi, eu fiquei tipo: ‘Ok, eu estou feita. Minha vida, minha carreira está pronta. Na verdade, eu não preciso fazer mais nada agora “, diz Yoon.
O filme foi dirigido por Stella Meghie com um roteiro de J. Mills Goodloe (O Melhor de Mim). A MGM e a Warner Bros lançam Tudo e Todas as Coisas em 19 de maio.


divulgar

comentar

23 março 2017

Resenha: A menina que não sabia ler, John Harding

A Menina Que Não Sabia Ler
Título original: Florence and Giles 
Autor: John Harding
Editora: Leya Brasil
Ano: 2010
Categoria: Suspense
Sinopse: 1891. Nova Inglaterra. Em uma distante e escura mansão, onde nada é o que parece, a pequena Florence é negligenciada pelo seu tutor e tio. Guardada como um brinquedo, a menina passa seus dias perambulando pelos corredores e inventando histórias que conta a si mesma, em uma rotina tediosa e desinteressante. Até que um dia Florence encontra a biblioteca proibida da mansão. E passa a devorar os livros em segredo. Mas existem mistérios naquela casa que jamais deveriam ser revelados. Quem eram seus pais? Por que Florence sonha sempre com uma misteriosa mulher ameaçando Giles, seu irmão caçula? O que esconde a Srta. Taylor? E por que o tio a proibiu de ler? Florence precisa reunir todas as pistas possíveis e encontrar respostas que ajudem a defender seu irmão e preservar sua paixão secreta pelos livros - únicos companheiros e confidentes - antes que alguém descubra quem ousou abrir as portas do mundo literário. Ou será que tudo isso não seria somente delírios de uma jovem com muita imaginação?

Florence tem 12 anos e é órfã. A menina mora na mansão do seu tio com seu irmão,Giles, todavia ambos são cuidados pelos empregados, ensinando a Florence a ser uma boa esposa e mãe. Mas, a garota era muito curiosa e acaba descobrindo uma enorme biblioteca na mansão e aprende a ler sozinha, descobrindo coisas que não poderia.

- Ela não está aqui, sua tonta. O que estaria fazendo aqui? A menina não sabe ler. Nunca lhe permitiriam.


Florence é aquela irmã mega protetora de Giles, e quando descobre que ele será enviado de volta para casa do internato , fica muito feliz. Até ai, tudo estava bem: Florence indo escondida a biblioteca para ler, esperando as visitas de Theo Van Hoosier - seu vizinho asmático e fofo- até que a primeira preceptora morre no lago da mansão. Para substituí-la é enviada a Srta. Taylor, uma mulher rígida  e misteriosa. A partir daí, o livro passa de chato a eletrizante, tomando rumos inesperados e quando conhecemos uma Florence que passa a ficar confusa com sua realidade.

Como um todo, a história foi bem construída, mas tantos detalhes nas descrições deixaram um pouco chata, no primeiro terço. O final foi inesperado, e agra só resta continuar com a ‘A menina que não sabia ler 2”. E ai? Alguém já leu? O que achou?


                                   Nota: ★★★


divulgar

comentar

20 março 2017

Resenha: Lucas e Nicolas ,Gabriel Spits


Lucas e Nicolas

Livro: Lucas e Nicolas
Autor: Gabriel Spits
Editora: Rocco
Páginas: 272
Ano: 2016
Sinopse: Aparentemente, eles têm pouco em comum: Lucas
não tem talento para o esporte, mas é um gênio na escola.
Sua vida social é nula, mas nas redes sociais se vira bem;
Nicolas é o fortão da turma, bonito, popular. Suas notas
são vergonhosas, mas nos esportes ele se destaca. Suas
dúvidas irão uni-los; suas certezas podem ser desastrosas.
Em seu romance de estreia, o paulista Gabriel Spits pinta
um retrato honesto, cativante e bem-humorado da adolescência nos dias de hoje.
Lucas e Nicolas é um romance sobre amizade e homossexualidade, amor e descobertas
na fase mais conturbada da vida. Perfeito para fãs de Will & Will, de John Green,
e dos livros de David Levithan, entre outros romances do segmento young adult.

Lucas e Nicolas foi um livro que recebi de troca do skoob e que lembra Will & Will. Lucas é estudioso, considerado o nerd da turma e é cheio de amigos virtuais. Nicolas é atleta, não tem notas muito boas, lindo, loiro e popular. Lucas tem problemas para aceitar sua sexualidade, já Nicolas já sabe quem ele é, todavia esconde isso de todos.

Nicolas é novo na cidade e precisa se adaptar a essa mudanças. Ele sabe da atenção que chama, pois é muito bonito,todavia têm problemas em casa com o pai. Lucas é o garoto não muito sociável, que prefere ficar no seu mundo. Na escola, não tem muitos amigos , mas é um dos melhores da turma.Até que Nicolas chega na escola e seu coração reage de maneira inesperada.

O livro aborda os típicos problemas de um adolescente para aceitar sua sexualidade, o bullying,os conflitos e o primeiro amor.O livro é divido entre a narrativa de Lucas e Nicolas, e posteriormente, também dos amigos deles.  Saindo das tramas comuns que priorizam mais os personagens principais.

Um livro sobre amor, descobrimento e amizade. Uma leitura fácil, gostosa e fluida.

“– Você é estranho… – Nicolas diz engolindo o riso.

– Já sei disso, obrigado – Lucas responde desembrulhando o papel-alumínio. Ele morde o sanduíche.

– É estranho… – Nicolas continua – mas é gatinho. Eu gosto…”




Nota: ★★★





divulgar

comentar

17 março 2017

Resenha:Qualquer outro lugar, de A.G. Howard


Qualquer outro lugar

Título:QUALQUER OUTRO LUGAR 
Autora: A.G Howard
Editora: Novo Conceito
Páginas: 416
Ano: 2016

Sinopse:  Alyssa está tentando entrar novamente no País das Maravilhas. Os portais para o reino se fecharam, não sem antes levarem sua mãe. Jeb e Morfeu estão presos em Qualquer Outro Lugar, reino em que intraterrenos expulsos do País das Maravilhas estão vivendo.Para resgatá-los, ela precisa recorrer à ajuda de seu pai. Juntos, eles iniciam uma missão quase impossível para tentar resgatar entes queridos, restaurar o equilíbrio dos reinos e o lugar dela como Rainha. Alyssa precisa lutar não só com a Rainha Vermelha, um espírito malicioso que tem a intenção de refazer o País das Maravilhas à própria imagem, mas também reconstruir seu relacionamento com Jeb, o mortal que ela ama, e Morfeu, o ser fantástico que também reivindica seu coração. E, se todos tiverem sucesso e saírem vivos, eles poderão finalmente ter o felizes para sempre.

Qualquer outro lugar, de A.G Howard é o último livro dessa trilogia FANTÁSTICA e que eu amo muito ! O livro continua exatamente de onde parou  em Através do Espelho. Alyssa  precisa correr para salvar sua mãe, que está no país das maravilhas e Jeb e Morfeu foram levados para Qualquer outro lugar , um local perigoso e fatal.

Todavia, todas as portas para entrar nesse lugar estão fechadas. Primeiro, ela precisa entrar no mundo sombrio de Qualquer outro lugar. Porém, o risco é grande de se conseguir sair, não ser mais a mesma pessoa.  Junto com seu pai, que recentemente recuperou suas memórias Ally sai em busca de seus amigos e sua mae.

Alyssa precisará enfrentar a Rainha Vermelha, que está cada vez mais perigosa, e salvar Jeb , pois este está completamente diferente desde que chegou em Qualquer outro lugar.Ela precisará salvar o País das Maravilhas com todas as suas forças, e ela contará com uma arma: o acesso as memórias da Rainha, onde ela descobrirá como vencê-la.

“O País das Maravilhas é violento e bizarro, mas tem seu charme. Qualquer Outro Lugar está em outro nível de crueldade. Um hospício descontrolado.

AI, que saudade eu estava de ler uma trilogia completa e me maravilhar com o último volume. 
O triangulo amoroso entre Alyssa, Jeb e Morfeu é maravilhoso, instigante e tentador. É interesse ver o quanto cada um evoluiu, encontrou seu verdadeiro ser e como foi o desfecho.

Uma leitura intensa, surpreendente e encantadora. Sem pontas soltas, sem perguntas mal respondidas e um final espetacular.  Antes de terminar, quero implorar para que leiam. Se você ama Alice no País das Maravilhas, se é fã de readaptações mais sombrias , não se decepcionará com essa trilogia. Só posso garantir que vocês não irão se arrepender <3
 





divulgar

comentar

15 março 2017

Lançamentos da Galera Record em março!

A Galera Record está me fazendo enlouquecer com esses lançamentos, principalmente a continuação de Trono de Vidro. E vocês? Tem algum desejado?

Império de Tempestades - Tomo 1
Trono de Vidro - Império de tempestades #5 
Sarah J.Maas
Antes de serem traídos pelo atual rei, os Galathynius reinaram em Terrasen por séculos. E agora Aelin deseja recuperar a coroa e voltar a seu trono de direito... Mas o caminho até lá é longo e sinuoso. Amigos serão perdidos, lealdades serão quebradas e alianças inesperadas surgirão. Com a vida e poder jurados ao povo que está determinada a salvar, a antiga assassina, conhecida como Celaena Sardothien, colocará a própria segurança em risco para proteger os seus. Mas a única salvação está numa relíquia enterrada nas ruínas de um velho pântano.

Primeira parte do quinto volume da série Trono de Vidro.


Cadu e Mari
Cade e Mari
A.C.Meyer
Mariana trabalha em uma badalada revista de moda. Tem um bom salário, é muito competente... E tem uma queda pelo chefe, daquelas bem poderosas. Eles vivem em mundos completamente diferentes, e Mariana sabe que nunca acontecerá nada entre os dois. Até que Carlos Eduardo repara que sua secretária é muito, muito bonita. O amor entre os dois é arrebatador, e Cadu e Mari sentem que nasceram um para o outro. Mas as coisas logo começam a desandar. Talvez Cadu ainda não esteja preparado para confiar em uma pessoa que teve uma vida tão diferente da sua; talvez Mari ainda não se sinta segura em dividir sua realidade com o chefe. Para viver esse amor, os dois precisarão enfrentar preconceitos e vencer intrigas. Será que estão prontos?


Contos da Academia dos Caçadores de Sombras
Contos da Academia dos Caçadores de Sombras
Cassandra Clare
Os Caçadores de Sombras estão de volta numa novíssima aventura. Todas as histórias são verdadeiras. E, dessa vez, Simon Lewis está pronto para contar a dele.
Numa história contada em 10 contos que revisitam o passado dos Caçadores e aponta para uma nova direção, Cassandra Clare, Sarah Rees Brennan, Maureen Johnson e Robin Wasserman presenteiam os fãs da série com uma jornada de tirar o fôlego, cheia dos personagens que todos já amam.
Simon não se lembra do seu passado, das aventuras que viveu ao lado dos amigos... Nem sequer sabe quem é, de fato. Então, quando a Academia de Caçadores de Sombras reabre, o rapaz mergulha nesse novo mundo, determinado a se reencontrar. Mesmo sem ter certeza de que quer voltar a ser aquele velho Simon de antes.
Mas o local é muito hostil e Simon acaba enxergando muitos problemas em sua nova escola. Como o fato de os alunos mundanos serem obrigados a viver no porão, ou sofrerem com as piadas e os preconceitos dos Nephilim.
Numa jornada para se redescobrir, para voltar a se reconhecer entre os antigos amigos, como Clary Fairchild e sua amada Isabelle Lightwood (mesmo que ele não se lembre desse amor), Simon vai descobrir que pode ser mais do que antes. Que seu destino como Caçador de Sombras vai muito além de sua missão de voltar a ser quem era.


Victoria e o Patife
Victoria e o Patife
Meg Cabot
Neste romance histórico juvenil escrito pela autora de “O diário da princesa”, acompanhamos a trajetória de Victoria. Criada pelos tios na Índia, ela é enviada a Londres aos 16 anos para conseguir um marido. Mas é na longa viagem até a Inglaterra que a jovem encontra o amor, na figura de Hugo Rothschild, o nono Conde de Malfrey. Tudo estaria ótimo se não fosse a insuportável interferência do capitão do navio, Jacob Carstairs. Por que ele não pode confiar na escolha de Victoria? Por que ele não a deixa em paz? Estaria Hugo escondendo algo?


Aliança
Aliança - A profecia do Paladino #2
Mark Frost
Um thriller sobre a luta secreta entre o bem e o mal e pessoas com habilidades especiais

Depois de expor a antiga sociedade secreta conhecida como os Cavaleiros de Carlos Magno, Will West permanece no Centro durante as férias de verão para testar as habilidades físicas e mentais que está desenvolvendo. Enquanto isso, ele e seus amigos partem em uma investigação sobre a sombria sociedade – e descobrem informações que podem acabar com a vida como a conhecemos. Agora, a aliança recém-formada precisa separar amigos de inimigos enquanto se prepara para a maior luta de sua vida.







Bruxa de SangueBruxa de Sangue  #3
Care Clernam
O terceiro volume da trama sobre bruxas modernas, da consagrada autora de Amada imortal

Os poderes de Morgana continuam a se desenvolver de forma nunca antes vista entre os praticantes de Wicca: ela fala em línguas, move objetos sem tocá-los e tem incríveis poderes de cura. Tudo parece bem até que Hunter, meio-irmão de seu namorado, Cal, começa a procurá-la e aparecer em visões. Ele diz que as intenções do garoto não são tão boas quanto parece, e que talvez o seu interesse por Morgana seja fruto dos poderes extraordinários que a jovem domina. Será que ela pode mesmo confiar em seu grande amor?






O canto mais escuro da floresta
O canto mais escuro da floresta 
Holly Black
Uma história repleta de magia e mistérios, da autora de As Crônicas de Spiderwick

Hazel e seu irmão, Ben, moram em uma cidade onde humanos e fadas convivem. A magia aparentemente inofensiva desses seres atrai turistas de todas as partes, que querem ver de perto as maravilhas do lugar e, principalmente, o garoto de chifres e orelhas pontudas que descansa em um caixão de vidro. Hazel e Ben eram fascinados pelo garoto quando crianças. Mas, à medida que crescem, as histórias e teorias que inventavam perdem o encanto. Eles sabem que o garoto de chifres nunca acordará... Até que um dia ele acorda. Agora, os irmãos precisam se tornar os heróis que fingiam ser em suas brincadeiras e desvendar os mistérios que envolvem aquele príncipe com chifres.








divulgar

comentar

09 março 2017

Resenha: Outro Dia - David Levithan #2

outro-dia-david-levithan-minha-vida-literaria
Título: Outro Dia
Autor: David Levithan
Editora: Galera Record
Páginas: 322
Ano: 2016
Sinopse: um dos mais inovadores autores de livros jovem adulto e o primeiro a emplacar uma trama gay na lista do New York Times, David Levithan retoma a sua mais emblemática trama em “Outro Dia”. Aqui, a já celebrada — com várias resenhas elogiosas — história de “Todo Dia” é mostrada sob o ponto de vista de Rhiannon. A jovem, presa em um relacionamento abusivo, conhece A, por quem se apaixona. Só que A, acorda todo dia em um corpo diferente. Não importa o lugar, o gênero ou a personalidade, A precisa se adaptar ao novo corpo, mesmo que só por um dia. Mas embarcar nessa paixão também traz desafios para Rhiannon. Todos eles mostrados aqui.

Todo Dia é um livro incrível do David Levithan. Tão incrível que mexeu comigo e me deixou intrigada e sem palavras para explicar a estranhesa e as reflexões que o livro propõe.Assim, logo fiquei ansiosa para ler Outro Dia, pelo ponto de vista da  Rhiannon.

Eu me flagro olhando nos olhos das pessoas mais do que já fiz algum dia na vida. E me dou conta que é aí que deixamos de ser um gênero ou cor. Basta olhar bem no fundo dos olhos.

Rhiannon é uma garota que vive triste, além de viver um relacionamento tóxico: ela ama Justin, mas ele a humilha e ela vive dependendo da boa vontade dele . Porém, um dia  Justin lhe proporciona uma tarde perfeita, dando toda a atenção e expressando o amor que ela sempre mereceu. Entretanto, não foi Justin quem fez isso, foi  A, alguém que muda de corpos todos os dias . A se apaixona pela garota e decide retornar a vida dela todos os dias, através dos corpos habitados E Rhiannon resolve dar uma chance a essa oportunidade, porém inicia uma serie de questionamentos para enfrentar essa nova jornada com A.

- (...) eu sei que, bem lá no fundo, sou tudo para ele.
(...)
- Bem lá no fundo? (...) Você não deveria ter que ir tão fundo para ser amada.


Ler Todo Dia a primeira vez foi incrível, surpreendente e inovador. Mas, amei reler pela visão da Rhiannon, pude compreende-la totalmente, entender e sentir o que ela enfrentava e como reagia a seu relacionamento com Justin.  Todo Dia e Outro Dia demonstram que cada história tem dois lados diferentes e o quanto eles se complementam.Mas, que angústia David me deixou. Ele parou o livro no mesmo lugar que Todo Dia, todavia com o final aberto a imensas possibilidades e esperanças. Recomendo demais a leitura dos dois livros, para que você entenda ambos os lados da história e tudo quanto está relacionado a ela.

As palavras são uma parte do problema. O fato de existirem palavras diferentes para ele e ela, dele e dela. Eu nunca tinha pensado nisso antes, em como isso é segregatório. Talvez se houvesse um único pronome para todos nós, não ficaríamos tão presos a essa diferença.

Nota: ★★★★★




divulgar

comentar


Notícias: novos pôsteres do revival de Prison Break

A FOX divulgou um vídeo promocional e novos pôsteres do revival de Prison Break, série que retornará à televisão com novos episódios no dia 4 de abril. Nesta nova etapa, Lincoln descobre que seu irmão está vivo. Assim, ele segue até o Iêmen atrás de Michael e promete libertá-lo de mais um encarceramento. No entanto, as coisas não são o que parecem e, logo, descobrimos que a fuga será a maior de todas — desta vez, ao redor do mundo.
Além de Wentworth Miller e Dominic Purcell, que retornam aos papéis dos irmãos Scofield, também estão confirmados no revival Sarah Wayne Callies, Amaury Nolasco, Robert Knepper, Rockmond Dunbar e Paul Adelstein. Relembrando que a série original foi exibida entre 2005 e 2009.
Confira os novos pôsteres do revival da série:
Fonte das imagens: Divulgação/FOX
revival da série estreia no dia 4 de abril no Brasil e nos Estados Unidos.


divulgar

comentar


Notícias: teaser e data de estreia da 7 temporada de “Game of Thrones“

O canal HBO resolveu divulgar a data de estreia da sétima temporada da série: 16 de Julho de 2017.A data de estreia da 7ª temporada foi revelada através de um video ao vivo na página oficial da série. A transmissão ao vivo mostrou um enorme cubo de gelo sendo derretido com fogo para exibir a data de estreia.
           


divulgar

comentar


Notícias: a série Confess estreará em abril

A Lifeboat Productions e Awesomeness TV se uniram para produzir uma série inspirada em Confess, romance escrito por Colleen Hoover, e a autora usou suas redes sociais para divulgar o trailer! Os episódios devem ir ao ar em abril pelo site de streaming Go90.
                   







A trama gira em torno de Auburn Reed, que será vivida pela atriz Katie Leclerc, que tem toda a sua vida traçada. Seus objetivos são à vista e não há espaço para erros. Mas quando ela entra em um estúdio de arte em Dallas em busca de um emprego, ela não esperava desenvolver uma profunda atração para o artista enigmático que trabalha lá, Owen Gentry, interpretado por Ryan Cooper.



divulgar

comentar

04 março 2017

Lançamentos da Editora Arqueiro de março

Oi, pessoal! Voltando a fazer o post com os lançamentos literários de março e olha que esse mês é meu aniversário e já vou pedir vários livros de presentes. Confira os principais lançamentos da Editora Arqueiro em março: 


Irmãos de sangue, Nora Roberts
Irmãos de sangue
Nora Roberts
A misteriosa Pedra Pagã sempre foi um local proibido na floresta Hawkins. Por isso mesmo, é o lugar ideal para três garotos de 10 anos acamparem escondidos e firmarem um pacto de irmandade. O que Caleb, Fox e Gage não imaginavam é que ganhariam poderes sobrenaturais e libertariam uma força demoníaca. Desde então, a cada sete anos, a partir do sétimo dia do sétimo mês, acontecimentos estranhos ocorrem em Hawkins Hollow. No período de uma semana, famílias são destruídas e amigos se voltam uns contra os outros em meio a um inferno na Terra. Vinte e um anos depois, a repórter Quinn Black chega à cidade para pesquisar sobre o estranho evento e, com sua aguçada sensibilidade, logo sente o mal que vive ali. À medida que o tempo passa, Caleb e ela veem seus destinos se unirem por um desejo incontrolável enquanto percebem a agitação das trevas crescer com o potencial de destruir a cidade.
Nova série de Nora Roberts, com um toque sobrenatural.
Publicaremos a trilogia completa em 2017.
“Como qualquer livro escrito por Nora Roberts, este é fantástico. Nora cria uma paisagem pitoresca e sombria.” – The Best Reviews 


O sol também é uma estrela, Nicola Yoon
O sol também é uma estrela
Nicola Yoon
Natasha: Sou uma garota que acredita na ciência e nos fatos. Não acredito na sorte. Nem no destino. Muito menos em sonhos que nunca se tornarão realidade. Não sou o tipo de garota que se apaixona perdidamente por um garoto bonito que encontra numa rua movimentada de Nova York. Não quando minha família está a 12 horas de ser deportada para a Jamaica. Apaixonar-me por ele não pode ser a minha história. Daniel: Sou um bom filho e um bom aluno. Sempre estive à altura das grandes expectativas dos meus pais. Nunca me permiti ser o poeta. Nem o sonhador. Mas, quando a vi, esqueci de tudo isso. Há alguma coisa em Natasha que me faz pensar que o destino tem algo extraordinário reservado para nós dois. O Universo: Cada momento de nossas vidas nos trouxe a este instante único. Há um milhão de futuros diante de nós. Qual deles se tornará realidade?
Selecionado em todas as listas de Melhores do Ano.
A capa é literalmente uma obra de arte e a artista foi contratada pra fazer a edição brasileira. O primeiro livro da autora, que vamos relançar em breve, passou 35 semanas na listade mais vendido do The New York Times e vai ganhar uma adaptação para o cinema ainda este ano.


A chave de Rebecca, Ken Follett
A chave de Rebecca
Ken Follett
Norte da África, Segunda Guerra Mundial. As tropas britânicas na região estão sofrendo perdas signicativas. Não há dúvidas de que alguém está informando o inimigo sobre os movimentos e planos estratégicos do exército britânico. O espião é conhecido por seus compatriotas alemães como Esfinge, mas para todos os outros é o empresário europeu Alex Wolff. Após cruzar o deserto, ele chega ao Cairo, no Egito, munido de um rádio, uma lâmina letal e um exemplar do livro Rebecca, de Daphne du Maurier. Violento e implacável, ele está disposto a tudo para cumprir a missão que recebeu. Para isso, conta com a ajuda de uma dançarina do ventre tão inescrupulosa quanto ele. O único homem capaz de detê-lo é William Vandam, oficial da inteligência britânica que precisa desvendar o enigma do Esfinge para interromper o avanço dos nazistas. Ao mesmo tempo que os alemães chegam cada vez mais perto da vitória final, Vandam também se aproxima de seu adversário, da chave que revela o código escondido no livro – e do combate mortal do qual apenas um deles sairá vencedor.
Livro ambientado na Segunda Guerra Mundial, período que atrai leitores de vários gêneros.
Ken Follett já vendeu mais de 500 mil livros pela Arqueiro. Em 2017, lançaremos 3 títulos do autor, dois antigos (A chave de Rebecca e O voo da Vespa) e um inédito.


Quando a Bela domou a Fera, Eloisa James
Quando a Bela domou a Fera
Eloisa James
Miss Linnett Berry Thrynne é a Bela... Naturalmente, ela está prometida a uma Fera. Piers Yelverton, Conde de Marchant, vive em um castelo no País de Gales onde, dizem, seu temperamento irascível acaba com qualquer um que cruze o seu caminho. E segundo as más línguas, o defeito que ele tem na perna que o deixou imune aos encantos de qualquer mulher. Linnet não é uma mulher qualquer. Ela é mais que adorável: seu charme e inteligência fizeram com que até mesmo um príncipe caísse a seus pés. Sua previsão é que o conde se apaixone perdidamente - em apenas duas semanas. Mas Linnet não faz ideia de como está colocando o próprio cora- ção em perigo. Afinal, o homem para quem ela o está entregando talvez nunca a ame de volta. Se ela resolver bancar a esperta... que preço pagará por domar o coração frio e selvagem do conde?
“Nada me leva mais rápido a uma livraria do que um livro novo da Eloisa James.” – Julia Quinn
Série de 5 livros inspirados em contos de fadas.
O personagem principal foi inspirado no Dr. House da série de TV.


Jardins da Lua, Steven Erikson
Jardins da Lua
Steven Erikson
O Império Malazano fervilha de descontentamento, flagelado por uma terrível guerra interminável. Até mesmo as legiões imperiais, endurecidas pelos anos de massacre, anseiam pela trégua. No entanto, o reinado da imperadora Laseen continua absoluto, resguardado pelos temidos assassinos da Garra que protegem seu governo. Para o sargento Whiskeyjack e seu esquadrão de Queimapontes, e para Tattersail, mago sobrevivente da Segunda Legião, o cerco de Pale deve ter terminado com muitos mortos e tantos outros enlutados. No entanto, Darujhistan, a última Cidade Livre de Genabackis, ainda resiste. E é para essa antiga fortaleza que Laseen irá voltar seu olhar predatório e destrutivo. Mas parece que o Império não vai liderar esse jogo sozinho durante muito tempo. Sinistras forças originárias das trevas começam a se reunir, e chegou a hora dos deuses revelarem sua jogada.
Leitores de fantasia não param de pedir por essa série nas redes sociais. 
Série de 10 volumes já terminados pelo autor.
“Verdadeiramente épico. Erikson não tem igual quando o assunto é ação e imaginação, e sua visão mítica é equiparável à de nomes como Tolkien.” – SF Site.


divulgar

comentar