• Cinema
  • Inspiração
  • Leitura
  • Música
  • Playlist
  • Resenha
  • Série
  • Texto
  • Vídeo
30 setembro 2016

Resenha: Meu Romeu - Leisa Rayven #1

                                                     

Meu Romeu
Título: Meu Romeu #1
Autor: Leisa Rayven
Editora: Globo Livros
Ano: 2015
Páginas: 407
Gênero: New Adult

Sinopse: "Cassie está prestes a realizar o grande sonho: estrelar um espetáculo na Broadway. O que ela não esperava era ter que enfrentar o reencontro com o ex-namorado, que será novamente protagonista ao seu lado, em uma peça cheia de romance e cenas quentes. Trabalhar com Ethan traz o passado à tona, e lembra a Cassie que o que existe entre eles vai muito além de simples química."
Se eu acertar, talvez ela entenda que, apesar de todas as merdas que eu fiz, eu ainda a conheço melhor do que qualquer um.”

 Seis anos antes: quando Cassie conheceu Ethan no teatro, a tensão entre eles e a química era inegável. Fazer uma peça cheia de romance e cenas mais quentes provocou bem esses sentimentos existentes e muitas vezes, ignorados. Como Romeu e Julieta, eles interpretaram super bem, mas quanto a fingir não sentir, eles ganhavam o prêmio de piores atores.
Presente: o reencontro acontece três anos depois e agora, trabalhar junto irá trazer um passado turbulento á tona. A tensão entre Cassie  e Ethan é evidente e os fará questionar sobre o que a presença ou ausência um do outro representa.

"Tá, então vamos mesmo fazer isso. Uma cena de sexo. Entre uma virgem e um cara que odeia desejá-la. Deve ser divertido."

Cassie é uma garota de quem eu seria amiga facilmente: engraçada, determinada , corajosa e desinibida. Nunca li sobre nenhum personagem como ela : que se porta da maneira como ela fez com o sexo, o tratando com naturalidade e sem frescuras. Implacável do início ao fim com Ethan, não se deixando abater e nem muito menos negando seus sentimentos por ele . Dessa vez, Ethan estava sendo alguém receoso com o amor , mas no fim do livro entende-se o porquê do seu medo de amar.

"—Não fui nada além de um cuzão com você desde o dia em que nos conhecemos.
— Eu sei.
Ele descansa a testa contra a minha enquanto suas mãos se movem nas minhas costas.
— Fiz você se afastar de mim, várias vezes. Ainda assim você quer que eu te beije?
— Sim. Muito."


Juntos eles são explosivos em cima do palco e fora deles. A intensidade da química deles é tão grande que me senti como se estivesse na plateia torcendo para que esse casal desse certo . Esse livro é inesquecível. Ethan é um cara inesquecível e Cassie tornou-se meu mais novo ícone de coragem quando se trata de sentimentos . 

"Só preciso que você saiba que no segundo em que estiver preparada para tentar de novo vou te matar de beijos. Vou te beijar inteira até que você veja estrelas e escute anjos e não possa ficar de pé por uma semana. Espero que você perceba isso."

Aqui , temos a inversão de papéis : a garota é desinibida a ponto de correr atrás do cara e ele fugindo por sérios motivos . Os personagens secundários são divertidos e cativantes . Elissa e Ruby são amigas da Cassie e tem cenas hilárias .

Este livro foi tudo o que eu não esperava. Afinal , só esperava outro novo New Adult com os elementos comuns dos outros , todavia fiquei sem fôlego e em êxtase em algumas cenas . A narrativa é contada pelo ponto de vista de Cassie e em cada capitulo é narrado em períodos diferentes vividos pelo casal.

Resumindo, um New Adult que é uma verdadeira caça de gato e rato, misturando desejo, provocações e frustração sexual . Estou até agora abismada e querendo começar para já o segundo livro: " Minha Julieta" e o terceiro, “Coração Perverso”, que contará a história de Elissa.

"Totalmente. Seu corpo unido ao meu. Finalmente. Eu olho para ele surpresa. A dor foi substituída por uma queimação pulsante, mas não impede que eu fique impressionada. Tudo o que ele está sentido se reflete em seus olhos. Prazer, choque, tesão, amor, arrependimento, euforia. Dessa forma ele é como um livro aberto. Nada escondido ou enterrado. Apenas nós. Juntos em muito mais maneiras do que apenas a física."


Definitivamente,  Leisa Rayven ganhou mais uma fã e eu espero muitos por ai também. Não se intimide pelas referências á Romeu e Julieta, afinal esta não é mais uma história cheia de cenas quentes (até porque mal têm), mas sim de caça aos sentimentos e coragem para se ter o que deseja. Dê uma chance á Meu Romeu e acredito que vais se surpreender.

Nota: ★★★★★



divulgar

comentar

26 setembro 2016

Resenha:Três Coisas Sobre Você,Julie Buxbaum

Três Coisas Sobre Você
Título:Três Coisas Sobre Você
Autora: Julie Buxbaum
Editora: Arqueiro
Ano: 2016
Páginas:288
Gênero: Romance juvenil
Sinopse: Setecentos e trinta e três dias depois da morte da minha mãe, 45 dias após o meu pai fugir para se encontrar com uma estranha que ele conheceu pela internet, 30 dias depois de a gente se mudar para a Califórnia e apenas sete dias após começar o primeiro ano do ensino médio numa escola nova onde conheço aproximadamente ninguém, chega um e-mail. Deveria ser no mínimo esquisito, uma mensagem anônima aparecer do nada na minha caixa de entrada, assinada com o bizarro nome Alguém Ninguém. Só que nos últimos tempos a minha vida tem estado tão irreconhecível que nada mais parece chocante.

Três coisas que voce precisa saber sobre esse livro: 
1) Fofo
2) Divertido
3) Encantador

Jessie perdeu sua mãe e foi  obrigada a morar com a atual mulher do seu pai. Deixando Chicago, sua casa e seu lar, melhor amiga e as lembranças de sua mãe. Agora, ela mudará para uma nova escola e precisará se adaptar a Los Angeles, mesmo se sentindo perdida e solitária.

“Os dias perfeitos são para pessoas com sonhos pequenos, possíveis de serem realizados. Ou talvez para todos nós eles só aconteçam em retrospecto: só são perfeitos agora porque contêm alguma coisa irrevogável e irrecuperavelmente perdida.” 

Todavia, Jessie recebe um e-mail assinado de “Alguém Ninguém” e ela tem quase certeza que está sendo alvo de trotes e de bullying. No entanto, á medida que troca mensagens com essa pessoa misteriosa, ela percebe que ele ou ela pode ser o primeiro amigo dela naquele lugar. O NA ou "Alguém Ninguém" passará dicas de como sobreviver na selva do Wood Valley e a enfrentar todo esse isolamento de ser novo em um lugar.

''Para a vasta maioria das pessoas o ensino médio não é divertido; o ensino médio é o oposto de diversão".


Três coisas sobre você é um livro fofo, encantador e que me fisgou até a última página, mesmo tendo previsto algumas coisas e quem seria o admirador. O livro aborda vários assuntos , como: perdas, mudanças, aceitação, família e a fase que todo mundo passa, alguns passam inteiros e outros pelas metades: a adolescência.

Talvez o lar não precise ser um lugar.”

Três Coisas Sobre Você é o primeiro romance para jovens adultos ,publicado no Brasil,  escrito pela Julie Buxbaum, que já teve outros dois livros publicados no Brasil: O Oposto do Amor e Depois de Você ambos pela Editora Rocco.

  Confesso que li por indicação do Lucas, do blog Tentando Ser Nerd e logo de primeira me apaixonei pela premissa e gostei da leveza e simplicidade da autora, que para ser mais linda ainda misturou poesia.

O mistério em torno de quem era AN me segurou o tempo inteiro, tanto que foi lido em uma sentada só. O livro é descontraído, leve, rápido de ser lido e é aquele livro de sessão de tarde, no meu caso foi. Terminei a história me sentindo a detetive do pedaço, torcendo pela Jessie e com um desejo de quero ler mais dessa autora.

Nota: ★★




divulgar

comentar

23 setembro 2016

Resenha:Não fuja #3 - FML Pepper

Não Fuja
Título: Não Fuja #3
Autor: FML Pepper
Série: Não Pare
Ano: 2016
Páginas: 384
Editora: Valentina
Sinopse: Vida. Morte. O que há entre elas? Antes e depois delas? Dois universos tão distintos e intimamente ligados. Como não sucumbir ao desejo que lhe drena a vida? Como aceitar que existe morte em vida e vida na morte? O que fazer quando a morte é a centelha que pulsa na vida, embebida de escuridão? A bússola da existência gira e aponta: o medo é uma opção; a vida, uma batalha; a morte, uma bênção.

Adiei muito a lida desse livro e finalmente pude ler e gostar mais do terceiro e ultimo livro da trilogia da FML Pepper. Após a descoberta no final de “Não Olhe”, a Nina está magoada com a traição , mas decide descobrir tudo sobre seu passado e lutar pelo seu destino, indo atrás de sua mãe.

Ainda presa pelo Grande Conselho, ela procura um jeito de  fugir para ir em busca dos seus objetivos. Nina,  felizmente tornou-se uma garota decidida e deixou de ser aquela menina birrenta e ingenua do primeiro livro. Rick continua encantador, protetor e cheio de imprevisibilidades.

A história vai muito além do que imaginei, revelando grandes segredos e descobertas com os personagens principais. Os secundários tem pouca função no inicio, mas do meio para o fim têm importância e cuja trama, acredito que daria uma boa continuação.

Nina é aquela personagem que não me cativou de inicio, todavia veio me impressionar no final. Rick é um sonho, mas aquele sonho inacabado , sabe? Muito meloso, as vezes. Mas, tudo bem. Eu gosto da trama em variadas dimensões, criativa e interessante, bem explorada de certa forma e que daria vários ganchos para próximos livros.

A diagramação do livro é linda, com um bom tamanho de letra e bem dividido. Quanto a capa, eu acho linda, só não entendo bem a capa vinho que ela usa, mas tudo bem.  A escrita da Pepper melhorou muito , pois quando li o segundo livro pareceu não funcionar a história para mim, mas insisti e gostei muito da fluidez do terceiro livro. Sem deixar pontas soltas sobre a dimensão de Zyrk.

Nota:  ★★★★



divulgar

comentar

21 setembro 2016

Resenha:Pax ,Sara Pennypacker

                                                           Pax 
Título: Pax
Autora:Sara Pennypacker.
Ilustrador:Jon Klassen
Editora: Intrínseca
Páginas: 288
Ano:2016
Peter e sua raposa, Pax, são inseparáveis desde o dia que ele a resgatou, órfã, ainda filhote na floresta. Um dia, algo inimaginável acontece: o pai do menino vai servir na guerra e o obriga a devolver Pax para á natureza, que seria seu lugar. Ao chegar longe da casa do avô, desde de deixar sua raposa ir e com o coração na mao, Peter reconhece que seu verdadeiro lugar é ao lado de Pax. Sendo assim, resolve fugir da casa do avô para encontrar seu amigo.

Pax é um livro infantil, todavia vai  conquistar crianças e adultos com  sua simplicidade e lealdade. A historia é escrita em terceira pessoa, com a visão de Peter dos fatos e de Pax, distante de seu amigo. Algo que me emocionou muito na leitura foi os sentimentos de Pax pelo menino: um carinho e amor inegável.

"Tenho que encontrar minha raposa de qualquer jeito e levá-la para casa."

Amor, lealdade, amizade são abordados com delicadeza nesse livro. Além disso, ela nos faz refletir sobre descobertas, a forma como tratamos a natureza e as consequências destrutivas dos nossos atos.
Um romance atemporal, profundo e leve que vai além da amizade, mas também aborda questões familiares, a relação do homem com o meio ambiente e os perigos que podemos proporcionar ao nosso redor.

Uma edição perfeita com capa dura, ilustrada e pequenos detalhes no inicio de cada capitulo. Livro para apaixonados pelo “Pequeno Príncipe”, “Extraordinário”.


 Nota: ★★★★ { FAVORITADO}



divulgar

comentar


Notícias: Trailer oficial de "Fallen " é divulgado !

A adaptação cinematográfica de Fallen, livro escrito por Lauren Kate, acaba de ganhar seu primeiro trailer.
O filme conta a história de Lucinda Price, uma adolescente de 17 anos que se apaixona por Daniel Grigori, um anjo caído.
Addison Timlin (Lucinda Price), Jeremy Irvine ( Daniel Grigori) e Harrison Gilbertson (Cameron Briel) formam o elenco principal.


divulgar

comentar

20 setembro 2016

Notícias: trailer de "Passageiros" é divulgado !

  A Sony Pictures divulgou o primeiro trailer de Passageiros, ficção científica estrelada por Jennifer Lawrence e Chris Pratt.
poltrona-passengers
   A trama acompanha Jim Preston (Pratt), um mecânico em uma viagem de 120 anos para um distante planeta colonizado de outra galáxia, que se torna o primeiro viajante a experimentar a falha de hibernação. Tendo acordado 100 anos mais cedo, ele está preso no mundo de uma nave interestelar com apenas robôs e androides para companheirismo. Um ano em sua jornada, ele decide acordar um passageiro, uma bela jornalista chamada Aurora (Lawrence). Eles se apaixonam, mas logo devem lidar não só com a revelação de ato de Jim em acordá-la, mas um grande mau funcionamento da própria nave.
Dirigido por Morten Tyldum (O Jogo da Imitação)Passageiros estreia em 05 de janeiro no Brasil. 
             


divulgar

comentar

18 setembro 2016

Playlist: conheça CHVRCHES

Conheci  a banda Chvrches depois que escutei Bury It ,com participação da Hayley Williams, vocalista do Paramore(banda da vida, saudade).

Resultado de imagem para ChvrchesA banda de escoceses, Chvrches,foi uma das revelações musicais pela rádio britânica BBC através do “Sound Of 2013”. É formado por Lauren Mayberry (vocal, sintetizadores e samplers), Iain Cook (sintetizadores, guitarra, baixo) e Martin Doherty (sintetizadores e samplers), cujo álbum de estreia em 2013, “The Bones Of What You Believe” , recebeu muitos elogios da crítica especializada.
   Confira algumas músicas do Chvrches:




divulgar

comentar

17 setembro 2016

Resenha:A Lâmina da Assassina #1.5 -Sarah J. Maas

A Lâmina da Assassina
Título: A lâmina da assassina 1.5
Título original: The Assassin's Blade 
Autor: Sarah J. Maas
Editora: Galera Record
Páginas: 368
Sinopse:Implacável, sedutora, letal. Poucos conhecem seu rosto, menos ainda sobrevivem à sua fúria. Não à toa Celaena Sardothian é sinônimo de morte. Suas lâminas são certeiras, assim como seu estranho código de honra e seu aguçado senso de justiça. Mas como uma menina, encontrada agonizando pelo rei dos Assassinos de Adarlan, se tornaria a campeã do rei? Disputada pelo capitão da guarda real e o próprio príncipe herdeiro? No centro de intrigas políticas? Acompanhe Celaena vencer um lorde pirata e toda sua tripulação; o encontro como uma curandeira; seu treinamento com o Mestre Mudo, senhor dos assassinos silenciosos, nas dunas do deserto Vermelho; a prisão nas Minas de Sal de Endovier; ou, ainda, sua luta contra o mais escorregadio e traiçoeiro dos adversários — o próprio coração.

A lâmina da assassina” faz parte da minha Maratona Literária de Inverno, já que sempre eu começava e tinha preguiça de terminar. Mas, dessa vez consegui e nossa, me sinto idiota por não ter lido antes o começo da Assassina de Adarlan. faz parte da série Trono de Vidro, de Sarah J. Maas.  A imensidão de sentimentos que a Celaena têm era algo que eu não esperava, já que no primeiro livro conhecemos uma personagens perigosa, violenta e perfeccionista com seus atos.

Celaena Sardothien é uma assassina habilidosa, corajosa e sombria. Profunda de um modo inesperado.E até poderia dizer os adjetivos adequados a uma das personagens mais F*da dos livros.  A autora nos apresenta outros personagens tao cativantes e perigosos como Celaena. E Sam Cortland? Como lidar com tudo o que aconteceu nesse livro? Não vou nem dizer nada, porque seria um spoiler.

 “ – Toque em mim de novo – retrucou ela, caminhando até a cama e pegando a comida derramada – e vai perder essa mão.”

Uma fantasia cheia de ação, suspense, aventura. Ao ler esse livro dá até vontade de reler “Trono de Vidro” e ‘Coroa da meia-noite”, primeiro e segundo livros da série, pois poderia ter percebido alguns detalhes de Celaena que na primeira vez lidos não tinha percebido. Ler “A lâmina da assassina” depois do primeiro livro te fará entender quem era a Celaena antes e depois de algumas coisas, o que a motivou e o que a tornou assim.

 Nota: ★★★



divulgar

comentar

13 setembro 2016

Notícias: Liberado o trailer de Cinquenta Tons Mais Escuros



Cinquenta Tons Mais Escuros deve estrear em 10 de fevereiro. O filme que encerra a franquia, “Cinquenta Tons de Liberdade”, estreará em 09 de fevereiro de 2018

                         


divulgar

comentar


Resenha:Pseudônimo Mr. Queen ,Loraine Pivatto


Pseudônimo Mr. Queen (book tour)
Título: Pseudônimo Mr. Quenn
Autor: Loraine Pivatto
Editora: Autora independente
Páginas: 404
Ano: 2015

 Loraine Pivatto nos apresenta um mundo diferente: onde cada pessoa têm o direito a dois tempos de vida, não existindo doenças e ninguem morre. Todavia, o ser humano não consegue conviver bem com os outros ao seu redor, mostrando ambições, dramas e confusões.

Regina é uma mulher rica e poderosa, dona de uma grande empresa e seu marido é o sócio. No entanto, no dia do seu aniversário , quando Regina vai visitar o marido, ela o pega traindo-a com Vanessa, sua melhor amiga. Pouco tempo depois , ela desmaia e ao acordar lembra de um sonho que teve: o mundo estava mudado e ela recebe instruções sobre novas regras para viver.
Ao acordar, percebe que a mudança no mundo realmente aconteceu e que todos os sobreviventes tiveram o mesmo sonho, compartilhando da mesma informação.

Nesse novo mundo, tudo é divido igualmente. Não haverá doenças, nem mortes acidentais. Sendo assim, cada pessoa têm o direito a duas vidas (dois períodos): a primeira começa no dia do seu nascimento até que complete 70 anos e a segunda será dos 20 aos 100; ou seja, quando a pessoa chega aos 70 anos, ela não morre, apenas troca de dimensão e passa a viver sua segunda vida, que começara dos 20 aos 100 anos, vivendo um total de 150 anos.

Inicialmente, os sobreviventes não entendem aquelas regras. Sua antiga casa, apartamento, objetos são divididos para todos. Não existe individualismo quanto aos direitos. Porém, com o passar dos anos a ambição , os desejos começam a tomar conta da humanidade. Regina Brandão guarda um grande segredo junto com algumas pessoas e saber esse segredo, mantêm a população harmonizada.

Ao chegar no novo mundo, Regina descobre que a filha de Vanessa, sua rival, estava viva e ela a cria, por algum tempo, até que o relacionamento delas não vai bem e acabam se separando.Posteriormente, a filha de Vanessa tem uma filha,Larissa, que será criada por Regina, tornando-se o maior presente da sua vida.

O livro conta a história dessas 3 mulheres da família Brandão :Regina, Larissa e Vitória. Assim , dividido em 3 partes , onde cada uma dessas mulheres contará sua história e sua visão da sociedade.
 Em uma parte do enredo, surge o pseudônimo Mr Queen, poeta e músico. No entanto, a identidade desse Mr.Queen se mantêm oculta até o final do livro.

Ler o livro foi um desafio para mim, já que a temática dela e a forma que é contado, por mais atual que seja, me deixou confusa inicialmente, pois são muitos personagens.
Todavia, é uma leitura fluida, com uma linguagem fácil e envolvente.  O livro é surpreendente e foi uma surpresa ter gostado, tamanha a complexidade. Obrigada a Loraine por disponibilizar a leitura, através da book tour e caso você tenha interesse de lê-lo, o link para entrar em contato com a autora:Book Tour

 Nota: ★★★



divulgar

comentar

09 setembro 2016

Resenha: Simon vs Agenda Homo Sapiens- Becky Albertalli

                                                           Simon vs. a agenda Homo Sapiens

Título: A geografia de nós dois
Autora : Jennifer E. Smith
Gênero:Jovem Adulto
 Páginas: 272
 Editora: Intrinseca
Ano: 2016
Sinopse: Simon tem dezesseis anos e é gay, mas ninguém sabe. Sair ou não do armário é um drama que ele prefere deixar para depois. Tudo muda quando Martin, o bobão da escola, descobre uma troca de e-mails entre Simon e um garoto misterioso que se identifica como Blue e que a cada dia faz o coração de Simon bater mais forte. Martin começa a chantageá-lo, e, se Simon não ceder, seu segredo cairá na boca de todos. Pior: sua relação com Blue poderá chegar ao fim, antes mesmo de começar. Agora, o adolescente avesso a mudanças precisará encontrar uma forma de sair de sua zona de conforto e dar uma chance à felicidade ao lado do menino mais confuso e encantador que ele já conheceu. Uma história que trata com naturalidade e bom humor de questões delicadas, explorando a difícil tarefa que é amadurecer e as mudanças e os dilemas pelos quais todos nós, adolescentes ou não, precisamos enfrentar para nos encontrarmos.

Simon vs. a agenda Homo Sapiens foi mega recomendado por vários blogs literários é aclamado pela crítica, tanto que os direitos de adaptação já foram comparados e para minha grata surpresa , eu amei o livro demais por sua simplicidade. a homossexualidade é um tema tabu, porém retratado com leveza e de uma forma encantadora , fazendo o leitor refletir e quebrar os rótulos propostos na história . 

Simon está no ensino médio e se sente cada vez mais sufocado para sair do armário. Há algum tempo, ele descobriu que é gay, mas não sabe como revelar para sua família e amigos . Ele sabe que não tem problema em ser gay e assumir para sua família, todavia o problema é assumir publicamente enquanto pessoas héteros não precisam fazer isso.  Simon começa a conversar com um amigo virtual , contando seus problemas com relação à sua orientação sexual e suas implicações. A amizade entre os dois vai crescendo e evoluindo para algo mais apaixonante. 

O outro empecilho nisso é que eles não se sentem seguros para marcar um encontro pessoalmente e logo agora que Simon está sendo chantageado na escola por alguém que viu seus e-mails com Blue , o amigo secreto.  Enfrentar os valentões , o estardalhaço da sua família, a divulgação do que Simon é e as dificuldades de ser livre e viver como ele deseja serao retratado e te farão querer acompanhar essa história . 

"É isso que as pessoas não entendem. Essa coisa de sair do armário. Não é nem por eu ser gay, porque lá no fundo sei que minha família levaria numa boa. Meu pai gosta de fazer piadas, e seria constrangedor, sem dúvida, mas acho que tenho sorte. Mas estou cansado de sair do armário. Tudo o que eu faço é sair do armário. Tento não mudar, mas estou sempre vivendo essas pequenas mudanças. Arrumo uma namorada. Tomo uma cerveja. E, todas as vezes, preciso me reapresentar para o universo" 

A história é fluida, leve e divertida, alternando a narrativa intercalar a descrição do dia a dia do protagonista com as trocas de e-mail entre ele e o Blue, o que nos deixa bem próximos desses garotos. A homossexualidade não é o foco principal da trama, mas também o preconceito racial, lidar com essa situação de sair ou não do armário, falar a verdade aos pais, praticar bullying ou não ... São tantos questionamentos que nos levam a reflexão dos esteriótipos impostos pela sociedade. Me identifiquei demais com a história , mesmo tendo um tema clichê , mas tratando da diversidade de uma forma única e não extremista .

 Simon é um personagem incrível e cativante . Seus relacionamentos familiares são comuns , mas divertidos. Suas amizades são abordadas de diversas formas, com o sentimento de que a lealdade vai além de qualquer erro. Um livro leve , divertido, reflexivo e encantador .

"Quando ele sorri, eu sorrio.

– Nada de filmes. Odeio filmes.
– É mesmo?
– É mesmo. Por que eu ia querer ver outras pessoas se beijando, se posso beijar você?"

Nota: ★★★★★





divulgar

comentar

02 setembro 2016

Lançamentos da Editora Rocco - Setembro

Adulto
MUNDO DAS HORAS FINAIS – O Último Policial #3, de Ben H. Winters
Há menos de duas semanas para o asteroide Maia atingir o planeta, as pessoas vivem atrás de barricadas, entocadas em porões e abrigos de emergência, o dinheiro se tornou inútil e água é a moeda mais valiosa. Enquanto todos esperam o fim, o detetive Hank Palace ainda tem um último caso para resolver. Sua irmã Nico está envolvida com um grupo radical que possui um plano para salvar a humanidade. Hank então embarca numa jornada por uma América destruída, na tentativa de encontrar a irmã e descobrir mais sobre o suposto plano. De Massachusetts para Ohio, o detetive passa por zoológicos abandonados, restaurantes desertos, encontra gente de todos os tipos em diferentes graus de desespero, até chegar a uma central de polícia vazia, onde as evidências de um crime brutal mexem com seus instintos investigativos. Com o tempo se esgotando, Hank segue as pistas, mas não tem certeza se está preparado para o que pode encontrar, no desfecho da premiada trilogia O último policial. 
PÁSSARO LOUCO, de Rosiska Darcy de Oliveira
A jornalista e escritora Rosiska Darcy de Oliveira, membro da Academia Brasileira de Letras, tem muitas histórias para contar. Parte delas está reunida em Pássaro Louco. Na antologia, textos que passam pelas lembranças da infância, o exílio na Suíça durante a ditadura militar, amores, afetos, o bem e o mal da contemporaneidade, política, literatura, religiosidade e o carnaval, uma de suas paixões, organizados em blocos temáticos. “Pássaro louco”, por exemplo, além de dar nome ao livro, reúne os textos que falam de amor e vem do artigo de mesmo nome, em que a autora reflete sobre todas as formas de amor: “Por que os gays ainda assustam? Talvez porque sejam a prova viva de que o amor é um pássaro louco que ninguém sabe onde vai pousar.” Já o “Interlocutor mudo” reúne as reflexões da autora sobre religiosidade e a crença – ou não – na existência de um deus. Uma obra imperdível que traz a visão de mundo de uma das maiores pensadoras brasileiras. 
HOMENS ELEGANTES, de Samir Machado de Machado
Escritor e roteirista nascido em Porto Alegre, Samir Machado arrebanhou elogios da crítica com o romance Quatro soldados. Agora, em sua estreia na Rocco, o gaúcho confirma que é uma das vozes mais originais da literatura nacional com um romance histórico que se filia à melhor tradição do gênero. Na trama, um soldado brasileiro é enviado a Londres com a missão de investigar uma rede de contrabando de livros eróticos para o Brasil, em 1760, e se deslumbra com os luxos e excessos da alta sociedade europeia. Uma legítima aventura de capa e espada, com direito a duelos e perseguições a cavalo, apimentada pela literatura pornográfica iluminista e pelo universo LGBT do século XVIII. A obra foi adquirida para adaptação cinematográfica pela RT Features, responsável por sucessos internacionais como Frances Ha, de Noah Baumbach, entre outros. 
FÁBRICA231
PLACEBO JUNKIES – Piratas de laboratório, de J.C. Carleson
Audie é uma jovem como qualquer outra, mas encontrou uma forma incomum de descolar uns trocados: ela serve de cobaia para a indústria farmacêutica. Neste irreverente romance, J.C. Carleson, ex-agente da CIA, mergulha no universo pouco conhecido, mas muito impressionante, dos voluntários em série de testes farmacológicos. Na tradição deTrainspotting e Drugstore Cowboy, doses cavalares de humor negro disputam espaço na trama com o drama de jovens que vivem no limite. No caso de Audie, ela precisa juntar dinheiro para oferecer a Dylan, seu namorado que tem uma doença terminal, uma festa de aniversário de 18 anos inesquecível. “Não há ganho sem dor”, ela repete, em meio aos efeitos colaterais das substâncias e procedimentos a que está sujeita e aos esquemas para lidar com eles. Mostrando as entranhas de um mundo desconhecido da maioria das pessoas, Placebo junkies arrancou elogios da crítica com sua narrativa original e completamente viciante. 
EU ESTOU AQUI, de Clélie Avit
Vencedor do prêmio Nouveau Talent 2015, Eu estou aqui, da professora e escritora francesa Clélie Avit, é uma emocionante história de amor e superação que tem início quando Thibault, ainda se recuperando de um divórcio que levou embora suas esperanças, entra por acaso no quarto errado do hospital onde fora visitar o irmão. No leito, uma mulher dorme e ele encontra uma paz que há muito não sentia. Em coma há cinco meses, Elsa sofreu um acidente numa escalada, e a família já não acredita em sua recuperação. Mas, tomado por um sentimento que ele mal consegue definir, Thibault passa a visitá-la sempre que possível e, a cada dia, aumenta sua certeza de que está apaixonado por Elsa e de que ela ouve cada uma de suas palavras. Uma declaração de amor à vida e aos pequenos gestos que são capazes de transformá-la. O livro chega ao Brasil pela coleção <3 Curti, do selo Fábrica231, dedicada a histórias românticas com final feliz. 
BICICLETA AMARELA
A MÁGICA TRANSFORMADORA DO F# – Como parar de perder tempo que você não tem com gente que você não gosta fazendo coisas que você não quer, de Sarah Knight
Um livro perfeito para os estressados e sobrecarregados de plantão aprenderem a dizer não, sem culpa, para o excesso de obrigações e compromissos desnecessários. Nesta paródia brilhante do bestseller A mágica da arrumação, de Marie Kondo, Sarah Knight, ex-editora que trocou uma rotina opressora por uma carreira freelance, apresenta um guia prático para quem deseja se livrar de dramas familiares, da exigência pelo corpo perfeito, da opinião alheia e de outras bobagens que tanto consomem o tempo e a mente, sem parecer desagradável, mas praticando a mais límpida e amigável sinceridade. Uma autoajuda diferente e bem-humorada, ideal para os tempos atuais.






divulgar

comentar


Resenha:The game #2 - Anders de La Motte

Título: Ruído – Trilogia The Game – Volume 2
 Autor: Anders de La Motte
 Editora: Darkside Books
Páginas:320
Ano:2015
Gênero: Suspense e Mistério / Literatura Estrangeira / Romance policial
Sinopse: Esse não é mais um jogo para iniciantes. 
Como acontece num bom videogame, à medida que o jogo avança, a leitura fica mais perigosa. [Ruído], volume dois da Trilogia The Game, traz o protagonista HP Peterson enfrentando uma nova fase do Jogo de Realidade Alterada que pôs sua vida em risco, no primeiro livro da série. HP poderia ter tudo: dinheiro, conforto, liberdade. Mas ele está disposto a arriscar tudo para sentir de novo a adrenalina correndo em suas veias. Enquanto isso, a policial Rebeca Normén começa a receber ameaças anônimas por um fórum de internet. O cerco começa a se fechar sobre os dois. Como se proteger de uma ameaça que você não tem certeza que existe. [Ruído] é o segundo livro da Trilogia The Game, de Anders de la Motte, o ex-policial e diretor de segurança de informação que se transformou no grande nome do suspense da Suécia após a morte de Stieg Larsson. O autor desenvolve uma série para a TV americana com o produtor executivo de Homeland e 24 Horas. 
A Trilogia The Game conta a história de HP, um jovem que tem sua vida transformada num jogo emocionante quando encontra um celular no vagão de trem. Através de mensagens anônimas no aparelho, ele passa a receber instruções para realizar tarefas no mínimo instigantes. A detetive Rebecca Normén é sua irmã, diferente de HP como são opostos a água e o vinho. 
Fenômeno em diversos países, a Trilogia The Game é surpreendente, divertida e assustadora na medida certa. Um thriller dos tempos de hoje, onde tudo o que acontece numa tela touchscreen já não pode mais ser considerado virtual. 

 The Game 2: [Ruído] é a o segundo livro da trilogia The Game, Anders de La Motte. O primeiro livro foi impressionante para mim. A ideia e todas as pistas falsas, a loucura e o caminho percorrido foi inesperado. Porém, Ruído não foi tudo aquilo que eu imaginava. Não o jogo como esperava.

Os dois protagonistas estão estagnados, repetindo os mesmos erros do passado. Rebecca torna-se fraca na trama, com uma alienação policial e seu relacionamento sem sentido com seu irmão.
A principal discussão do livro é o “buzz” na internet, afinal somos reféns da opinião alheia, a partir do momento que compartilhamos nas redes sociais sobre nossas vidas ou algo relacionado.

Neste livro, a ArgosEye é uma força cibernética conspiradora e manipuladora, acrescentada ao enredo para trazer mais ação e discussão a respeito do mundo virtual. O jogo fica em segundo plano e a parte central é a atual situação dos dois personagens.

Os capítulos são curtos e o suspense policial continua a todo vapor, no entanto o autor desenvolve conflitos que não tem nexo para os personagens, soando como forçados e por vezes, cansando o leitor.

A conclusão atiça a curiosidade, mas não sei se chegou a me instigar a ler o terceiro e último livro, com um pequeno gancho ligado ao enredo do segundo livro. Espero que o terceiro seja melhor e o Jogo volte.

Nota: ★★★



divulgar

comentar

01 setembro 2016

Cinema: Quatro Vidas de Um Cachorro ganha trailer

Universal Pictures Brasil divulgou o trailer legendado de Quatro Vidas de Um Cachorro, adaptação ao cinema do best-seller homônimo de W. Bruce Cameron. Também foi revelado o cartaz nacional.

O longa acompanha as quatro vidas de Bailey (voz de Bradley Cooper) e sua busca pela razão de continuar voltando à Terra quando seu tempo nela acaba.Britt Robertson, Dennis Quaid, Peggy Lipton e Juliet Rylance também estão no elenco.Dirigido por Lasse Hallström (Sempre ao seu Lado)Quatro Vidas de Um Cachorro estreia em janeiro de 2017.


divulgar

comentar


Leituras de AGOSTO

Oie genteeeeeeeeee ! Até que fim agosto acabou e setembro começara com mais correria e mais livros legais para ler, mas confira o que li nesse mês de AGOSTO:
Nenhum texto alternativo automático disponível.

01-Pax- Sara Pennypacker ★★★★★❤️
02.Não fuja #3 - FML Pepper ★★★★
03-Três coisas sobre você - Julie Buxbaum ★★★★
04-O livro da política - vários autores ★★★
05-O dia da morte de Denton Little - Lance Rubin ★★★★★❤️
06-Meu Romeu #1- Leisa Rayven ★★★★★❤️
07-Minha Julieta #2- Leisa Rayven ★★★★★❤️
08-Essa luz tão brilhante - Estelle Laure ★★★★❤️

Pax, Meu Romeu e Minha Julieta, Essa luz tão brilhante e O dia da morte de Denton Little definitivamente roubaram meu amor e mega recomendo essas leituras. Em breve, todas as resenhas estarão no blog ou confira o instagram :@meus2literario
ps: Ainda li várias HQ's do Flashpoint, Esquadrão Suicida e Arlerquina

➡️ E aí? Já leu alguns desses? Conta aqui o que achou. #leiturasdeagosto#meus2literario


divulgar

1 comentário