• Cinema
  • Inspiração
  • Leitura
  • Música
  • Playlist
  • Resenha
  • Série
  • Texto
  • Vídeo
29 janeiro 2018

Resenha: Scarlet #2 ( Crônicas Lunares) , Marissa Meyer


Título: Scarlet

Crônicas lunares #2
Autora: Marissa Meyer
Editora: Rocco
Páginas: 480

Ano: 2014
Sinopse: Depois de Cinder, estreia de sucesso de Marissa Meyer e primeiro volume da série As Crônicas Lunares, que chegou ao concorrido ranking dos mais vendidos do The New York Times, a autora está de volta com mais um conto de fadas futurista. Scarlet, segundo livro da saga, é inspirado em Chapeuzinho Vermelho e mostra o encontro da heroína ciborgue que dá nome ao romance anterior com uma jovem ruiva que está em busca da avó desaparecida. Em uma trama recheada de ação e aventura, com um toque de sensualidade e ficção científica, Marissa Meyer prende a atenção dos leitores e os deixa ansiosos pelos próximos volumes da série.

E depois de ter lido Cinder e adorado,claro que não poderia perder mais nenhum minuto das Crônicas Lunares. Mas, eu tinha uma grande duvida: como a autora faria para continuar a mesma história, interligar os livros com protagonistas diferentes?Acredite, a surpresa foi tão real, que me apaixonar novamente foi inevitável.

 Scarlet é uma garota que está desesperada para encontrar sua avó, que desapareceu da fazenda do nada, sem despedidas, sem cartas, sem aviso. Scarlet é uma fazendeira, que produz e entrega vegetais para os restaurantes da pequena cidade de Rixer, até que seu caminho se cruza com o de Lobo, um lutador todo misterioso que quer ajuda-la a encontrar sua avó.Ambos se aventuram em uma caçada perigosa e que está cheia de armadilhas e segredos.

A escrita da Marissa Meyer é cativante e apaixonante. Nesse livro, ela consegue novamente se basear o mínimo possivel na tradicional história de “Chapeuzinho Vermelho”,porém este segundo volume é melhor que o primeiro. Scarlet é uma personagem admirável: corajosa, divertida, independente e forte.

A narração alterna entre Scarlet e Cinder, temos também até capítulos narrados por outros personagens: Príncipe Kai, Lobo Thorne. Isso é um fator muito interessante, já que nos dá uma perspectiva completa de tudo o que acontece e a complexidade do que está acontecendo no mundo criado. De uma forma cada vez mais criativa que a Marissa Meyer tem de desenvolver personagens distintos e que possam estar interligados para enfrentar a terrível rainha Levana.

 Algo que continuo achando sensacional em Crônicas Lunares é o quanto cada personagem tem importância na trama.Em dois volumes lidos em menos de uma semana, só preciso indicar essa série ! Uma escrita envolvente, personagens inesquecíveis, um enredo bem estruturado, distopia, fantasia, contos de fadas inovado e romance. Um cenário hytech maravilhoso.


divulgar

comentar


Comentário(s) pelo Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário