• Cinema
  • Inspiração
  • Leitura
  • Música
  • Playlist
  • Resenha
  • Série
  • Texto
  • Vídeo
06 junho 2015

Resenha: Bom Dia Sr. Mandela

Título: Bom dia , Sr. Mandela
Autora: Zelda La Grange
Editora: Novo Conceito
 Páginas:  432
SinopseA secretária particular de Nelson Mandela faz um relato sobre a vida íntima do grande líder da África do Sul, relatando como era viver no apartheid e como o convívio com Mandela a fez abandonar todos os tipos de preconceito. Na descrição do dia a dia dos últimos 20 anos da vida de Mandela, um perfil humano e carismático do líder  da luta contra o apartheid.


Talvez uma forma melhor de retratar uma pessoa seja observando o que seus amigos e as pessoas mais próximas dizem a respeito. Dessa forma, a ex-secretária de Nelson Mandela, Zelda la Grange, apresenta Madiba numa visão de uma africâner (grupo de brancos sul-africanos descendentes dos colonos europeus) que cresceu em um ambiente em que o apartheid era justificado e apoiado. Zelda traz em seu livro uma visão mais próxima de Mandela, principalmente no período em que esteve à frente do governo na África do Sul.

“O Perdão é uma escolha."

Vemos em Bom Dia, Sr. Mandela, não apenas um líder respeitado e comprometido, mas uma pessoa que aprendeu com o tempo que o presente é mais importante que o passado, e que para evoluir, muitas vezes é necessário esquecer injurias e perdoar. Nos seus dias como presidente e após esse período, Mandela procurava ocupar o máximo do seu tempo em fazer coisas para fortalecer seu país e seus ideais. Foi visto como um apaziguador e não media esforços para que o bem-estar geral fosse alcançado.

 Essa leitura da autora sobre Mandela trás a tona manias e comportamentos desse líder como poucas pessoas conheciam tornando-o mais próximo do leitor. Costuma-se imaginar e tratar figuras ilustres da história como se estivessem acima dos demais ou como verdadeiros heróis mistificados. No curso inverso, esse livro contribui para que a visão em relação ao Sr. Nelson Mandela seja mais humana, mais palpável, um verdadeiro "gente como a gente", mas com um aprendizado que se leva para toda uma vida.

“A integridade de Madiba se baseava no respeito. Respeito pelos amigos, respeito pelos inimigos, pelos que são mais pobres que você, os que se vestem pior e são menos educados, até mesmo para com aqueles que lhe prejudicam ou cometem erros. Mas também para com os mais poderosos, os mais ricos e os mais espertos que você."

Enfim, Bom Dia, Sr. Mandela é principalmente revigorante. O exemplo de Mandela e a visão de la Grange fazem com que o leitor possa refletir sobre a própria vida e atitudes e assim tomar decisões em que possa melhorar. Em outras palavras, é inspirador.

Por Renato Gomes 

NOTA:  ★★★★★



divulgar

comentar


Comentário(s) pelo Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário