• Cinema
  • Inspiração
  • Leitura
  • Música
  • Playlist
  • Resenha
  • Série
  • Texto
  • Vídeo
17 agosto 2014

Resenha: Roleta Russa,Jason Matthews



Título: Roleta Russa
Autor: Jason Matthews
Páginas: 432
Editora: Arqueiro
Ano: 2014
Sinopse: Desde pequena, o sonho de Dominika Egorova era fazer parte do Bolshoi, o balé mais importante da Rússia. Após ser vítima de uma sabotagem, porém, ela vê sua promissora carreira se encerrar de forma abrupta. Logo em seguida, mais um golpe: a morte inesperada do pai, seu melhor amigo.
Desnorteada, Dominika cede à pressão do tio, vice-diretor do serviço secreto da Rússia, o SVR, e entra para a organização. Pouco tempo depois, é mandada à Escola de Pardais, um instituto onde homens e mulheres aprendem técnicas de sedução para fins de espionagem.
Em seus primeiros meses como pardal, ela recebe uma importante missão: conquistar o americano Nathaniel Nash, um jovem agente da CIA, responsável por um dos mais influentes informantes russos que a agência já teve. O objetivo é fazê-lo revelar a identidade do traidor, que pertence ao alto escalão do SVR.
Logo Dominika e Nate entram num duelo de inteligência e táticas operacionais, apimentado pela atração irresistível que sentem um pelo outro.

O que dizer de um romance policial que demorei para ler, mas tão detalhado e eletrizante que me deixou sem fôlego. A Rússia atual é governada por Vladimir Putin. Dominika Egorova é uma jovem russa, linda, inteligente, sensual, que entra para o sistema de espionagem após perdas irreparáveis. Recrutada pelo SVR, ela se torna uma agente especializada na sedução de seus alvos e tem sua primeira missão para mostrar que tem talento para tal ação. Descobrir o nome do traidor, funcionário da SVR que está passando informações secretas para a CIA.

Nathaniel Nash é um espião norte-americano que tem a chance de salvar sua carreira e para isso ele terá que proteger Marble, o ativo russo da CIA e alvo da missão de Dominika. Os dois tem objetivos opostos, mas o caminho dos dois se cruza e o jogo muda. Tensão, discussões acaloradas e um relacionamento dividido entre missões e atração. Em um certo momento, um deles tenta passar para o outro lado, tornando-se agente duplo, mas essa posição pode ser perigosa demais e pôr em risco a vida de todos ao seu redor.

Se existe uma pessoa, existe um problema. Se não existe uma pessoa, então não existe nenhum problema.

Fazia um certo tempo que não lia um bom livro policial. Não são meus preferidos, mas me desafio a lê-los. Roleta Russa é um livro voltado para o mundo secreto da espionagem, investigações e ambições de dois países. Esse foi o livro mais demorado que li, cheio de detalhes e esmiuçado, então foi uma leitura beeeeeem lenta.Uma coisa interessante sobre o livro são as receitas deixadas no final de cada capitulo, referente a alguma refeição que o personagem fez.

 Não dar para ler de uma sentada só, já que é cheio de detalhes, fatos importantes envolvendo a Guerra Fria, a briga entre Rússia e EUA. Além dos personagens principais, é cheio de personagens secundários. As cenas são retratadas perfeitamente. É complexo e há um misto de romance e profissionalismo entre os personagens principais: Nate e Dominika. Fiquei pensando em quantas estrelinhas dar a esse livro, já que o final deu a impressão de uma continuação.

 NOTA: 


divulgar

1 comentário


Comentário(s) pelo Facebook:

Um comentário: