• Cinema
  • Inspiração
  • Leitura
  • Música
  • Playlist
  • Resenha
  • Série
  • Texto
  • Vídeo
22 agosto 2014

Resenha: Se eu ficar, Gayle Forman


Título: Se eu ficar (#1)
Autora: Gayle Forman
Editora: Novo Conceito
Ano: 2014
Páginas: 224
Sinopse: Depois do acidente, ela ainda consegue ouvir a música. Ela vê o seu corpo sendo tirado dos destroços do carro de seus pais – mas não sente nada. Tudo o que ela pode fazer é assistir ao esforço dos médicos para salvar sua vida, enquanto seus amigos e parentes aguardam na sala de espera... e o seu amor luta para ficar perto dela. Pelas próximas 24 horas, Mia precisa compreender o que aconteceu antes do acidente – e também o que aconteceu depois. Ela sabe que precisa fazer a escolha mais difícil de todas.


Mia é uma garota quieta, de 17 anos e violoncelista, com um talento sem tamanho para musica clássica. Ao lembrar de sua infância, ela recorda que nunca foi tão parecida com seus pais, nem fisicamente, nem em seu gosto exótico pela musica clássica. Mas, ali era seu porto seguro e isso bastava. 

Mia só estava preocupada com o seu futuro. Seu sonho era ser aceita na Juilliard, porém ela agora tinha Adam, seu namorado e amigo, e não estava pronta para deixa-lo. Em um dia de inverno, Mia e seus pais resolvem dar um passeio, enquanto a neve derretia e as aulas haviam sido canceladas. O passeio se transformou em algo devastador. 

Algumas vezes você faz escolhas e algumas vezes escolhas fazem você.

O carro foi atingido por um caminhão na estrada e totalmente destruído. A unica coisa que continuava funcionando era o rádio que tocava a Sonata de Beethoven. Mia escutava a música e via os corpos de seus pais no chão, mas quando olhou para si mesma distante do carro, com sangue em toda sua roupa e sua perna machucada deu-se conta do que tinha acontecido. 

Sirenes,ambulâncias e curiosos haviam parado e Mia percebeu que não estava morta, só tinha saído do seu corpo e estava acompanhando o desenrolar da tragedia. No hospital ela passa a participar das cirurgias realizadas em si pelos médicos, ver os amigos e familiares na sala de espera.


Percebi agora que morrer é fácil. Viver é difícil.

O que Mia decidiria da sua vida: voltar e encarar a dor da perda ou desistir de viver fosse mais fácil do que enfrentar o futuro? Seus avós, Kim, sua melhor amiga e Adam queriam que ela ficasse, lutasse para isso. Mas, será que ela também queria ficar?

— Eu estava conversando com Liz e ela disse que talvez voltar para sua antiga vida seja doloroso demais, que talvez seja mais fácil para você nos apagar. E isso seria uma droga, mas eu faço. Eu posso perder você dessa forma se eu não te perder hoje. Eu te deixo ir. Se você ficar.

O filme vai ser lançado no dia 04/09/2014 e eu queria ler o livro antes de assistir o filme. É lindo ver como o violoncelo faz parte da vida de Mia, do quanto seu sentimento ao toca-lo transborda além das páginas do livro e acabamos sentindo o quanto aquele instrumento fazia parte dela.

"Se eu ficar" é um livro curtinho e emocionante. Medo, desejo, futuro incerto e anseios de uma adolescente nos envolve. O segundo livro, "Para onde ela foi" é narrado por Adam. Esse livro é perfeito na medida certa: a luta pela vida e pela família, a dor da perda e o que se é essencial para seguir em frente.  Dê uma chance para " Se eu ficar", leia e sinta a diferença que pode fazer na sua vida.

  ( Para onde ela foi - 2º livro da duologia)

Confira o trailer do filme :


 NOTA: 


divulgar

comentar


Comentário(s) pelo Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário