• Cinema
  • Inspiração
  • Leitura
  • Música
  • Playlist
  • Resenha
  • Série
  • Texto
  • Vídeo
20 janeiro 2017

Resenha: Boa Noite, Pam Gonçalves

Boa Noite
Título: Boa Noite
Autora: Pam Gonçalves
Gênero:Jovem Adulto 
Páginas: 240
 Editora: Galera Record
Sinopse: Alina quer deixar seu passado para trás. Boa aluna, boa filha, boa menina. Não que tudo isso seja ruim, mas também não faz dela a mais popular da escola. Agora, na universidade, ela quer finalmente ser legal, pertencer, começar de novo. O curso de Engenharia da Computação - em uma turma repleta de garotos que não acreditam que mulheres podem entender de números -, a vida em uma república e novos amigos parecem oferecer tudo que Alina quer. Ela só não contava que os desafios estariam muito além da sua vida social. Quando Alina decide deixar de vez o rótulo de nerd esquisitona para trás, tudo se complica. Além de festas, bebida e azaração, uma página de fofocas é criada na internet, e mensagens sobre abusos e drogas começam a pipocar. Alina não tinha como prever que seria tragada para o meio de tudo aquilo nem que teria a chance de fazer alguma diferença. De uma hora para outra, parece que o que ela mais quer é voltar para casa

Acompanho a Pam desde a criação do Garota It, atualmente o canal da Pam Gonçalves. Confesso que queria ser surpreendida e até ficar bem extasiada com o livro dela. Eu gostei muito da história: fluida, real, doce e rapida de ler, além de ser cheia de lições. Assim, fico ansiando por outros livros da Pam.

A história nos apresenta Alina, uma garota de 18 anos que sai de Laguna para cursar Engenharia   da Computação em Pedra Azul, uma cidade universitária próxima de Florianópolis. Querendo deixar para trás seu status de ‘garota nerd’ , ela vai viver aventuras morando em uma república e estudando em um curso precedido de machismo e prencoito de seus colegas e professores, que não acreditam que lugar de mulher seja na engenharia.

"Várias garotas sofrem abuso sexual todos os dias na nossa universidade, na nossa cidade, no nosso estado, no nosso país, no mundo inteiro. E a maioria não denuncia e nem pede ajuda. (...) Sabem por quê? Porque a maioria vai ser culpada por vocês. Por nós. Porque, para a nossa sociedade, é normal assediar. Porque, se ela não quisesse, não sairia de roupa curta. Porque, se ela não quisesse, não andaria sozinha. Porque, se ela não quisesse, não estaria bebendo. Porque, se ela não quisesse, não estaria VIVENDO."

Alina é um doce de personagem: carismática, inteligente e divertida. Disposta a conhecer e aprender , competitiva e desafiadora. Ela assim como eu, saiu de casa para fazer faculdade e acabou ganhando experiência, se divertindo e aprendendo muito. 

 Alina dividirá a república das loucuras, local onde vai morar com a Manu que faz Comunicação, a Talita e o namorado Bernardo que estudam Administração, e o Gustavo, estudante de Medicina. Ao lado deles , começará uma nova fase de sua vida, conhecendo pessoas e sendo desafiada a sair da sua zona de conforto.

Boa Noite foi meu segundo contato com a escrita da Pam assim gostando muito do que li e desejando que ela cresça ainda mais em sua escrita. Não achei nada exagerado, mas muito reflexivo, abordando temas que precisam de mais atenção: abuso sexual nas universidades, festas badaladas e suas consequências, etc. A Pam desenvolveu uma história fluida, divertida, rápida de ser lida e que fala sobre várias formas de preconceito: machismo, abuso sexual e principalmente, empoderamento feminino. Além de trazer referências a Harry Potter, ao movimento Vamos Juntas?. Definitivamente,  merece ser lido por todo mundo.

"Este livro é para todas as meninas, garotas e mulheres. Não deixem que digam que não são capazes, vocês podem ser o que e quem quiserem". Pam Gonçalves.

Nota: ★★



divulgar

comentar


Comentário(s) pelo Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário