• Cinema
  • Inspiração
  • Leitura
  • Música
  • Playlist
  • Resenha
  • Série
  • Texto
  • Vídeo
01 abril 2017

Resenha:1- A Corte de Névoa e fúria #2- Sarah J.Maas

Corte de Névoa e FúriaTítulo: Corte de Névoa e Fúria
1 : Corte de Espinhos e Rosas (2015)
2 : Corte de Névoa e Fúria (2016)
Autora: Sarah J. Maas
Editora: Galera Record
Páginas: 658
Sinopse: O aguardado segundo volume da saga iniciada em Corte de espinhos e rosas, da mesma autora da série Trono de vidro Nessa continuação, a jovem humana que morreu nas garras de Amarantha, Feyre, assume seu lugar como Quebradora da Maldição e dona dos poderes de sete Grão-Feéricos. Seu coração, no entanto, permanece humano. Incapaz de esquecer o que sofreu para libertar o povo de Tamlin e o pacto firmado com Rhys, senhor da Corte Noturna. Mas, mesmo assim, ela se esforça para reconstruir o lar que criou na Corte Primaveril. Então por que é ao lado de Rhys que se sente mais plena? Peça-chave num jogo que desconhece, Feyre deve aprender rapidamente do que é capaz. Pois um antigo mal, muito pior que Amarantha, se agita no horizonte e ameaça o mundo de humanos e feéricos.



COMO VOU SUPERAR ESSE LIVRO ? JÁ QUERO O PRÓXIMO PARA ONTEM !

Gente, quando li “ A corte de rosas e espinhos” eu fiquei louca completamente alucinada para ler o próximo livro. E quando pensei que não poderia ser melhor, foi, muito melhor. A  Corte de Névoa e Fúria foi uma surpresa de tal maneira que me apaixonei ainda mais pelos personagens e Feyre só me encantava.

O livro têm 654 páginas, mas não se engane. É difícil cansar da escrita da autora, que opta por contar a vida dos personagens, revelando seu passado e focando no aprofundamento deles.Com muita ação, capítulos focados em Feyre e na nova adaptação dela a outra parte da Corte. Muitos perigos, dramas, cenários serão apresentados, com um romance lento e lindo. Estou com o final na ponta da língua, desejosa para a continuação ( a série contará com 8 livros ).

“Mas eu estava envolta em um casulo de escuridão e fogo e gelo e vento, um casulo que derreteu o anel de meu dedo até que a liga de ouro escorresse para o vazio, e a esmeralda saiu quicando atrás dela. Envolvi meu corpo com aquela força violenta, como se pudesse evitar que as paredes me esmagassem por inteiro, e talvez, talvez, conseguir um mínimo de fôlego…
Eu não podia sair; não podia sair; não podia sair…”


Feyre amadureceu tanto, cresceu e mostrou que tinha coragem para encarar novos desafios.Tamlin me pegou de surpresa e Rhys me fez ama-lo, não só por ser o senhor da Corte 
Noturna.: um bad boy misterioso, mas que quer alguém para amar. Além dos diversos personagens secundários que são adoráveis.

"Eu era dele e ele era meu, e éramos o início, o meio e o fim. Éramos uma canção cantada desde a primeira brasa de luz no mundo."

A escrita da Sarah é  uma maravilha, uma perfeição a parte. Os personagens parecem reais, assim como as descrições dos cenários , que nos fazem imagina-los de forma vívida. Preciso insistir mais que essa série é uma das minhas preferidas? Recomendo demais e por favor, se lerem falem comigo e vamos conversar sobre Rhys e Feyre , okay?

Nota: ★★★★★



divulgar

comentar


Comentário(s) pelo Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário