• Cinema
  • Inspiração
  • Leitura
  • Música
  • Playlist
  • Resenha
  • Série
  • Texto
  • Vídeo
12 agosto 2014

Resenha: Não se apega não, Isabela Freitas


Título: Não se apega não
Autora: Isabela Freitas
Editora: Intrinseca
Ano: 2014
Páginas: 256
Sinopse: Desapegar: remover da sua vida tudo que torne o seu coração mais pesado. Loucos são os que mantêm relacionamentos ruins por medo da solidão. Qual é o problema de ficar sozinha? Que me desculpe o criador da frase “você deve encontrar a metade da sua laranja”. Calma lá, amigo. Eu nem gosto de laranja.O amor vem pros distraídos.Tudo começa com um ponto-final: a decisão de terminar o namoro de dois anos com Gustavo, o namorado dos sonhos de toda garota. As amigas acharam que Isabela tinha enlouquecido, porque, afinal de contas, eles formavam um casal per-fei-to! Mas por trás das aparências existia uma menina infeliz, disposta a assumir as consequências pela decisão de ficar sozinha. Estava na hora de resgatar o amor-próprio, a autoconfiança e entrar em contato com seus próprios desejos.Parece fácil, mas atrapalhada do jeito que é, Isabela precisa primeiro lidar com o assédio de um primo gostosão, com as tentações da balada e, principalmente, entender que o príncipe encantado é artigo em falta no mercado. Isabela Freitas, em seu primeiro livro, narra os percalços vividos por sua personagem para encarar a vida e não se apegar ao que não presta, ainda assim, preservando seu lado romântico.

  Vou ser sincera, eu não queria ler esse livro, pelo menos não agora, apesar de ouvir todo mundo falando dele. Mas, minha prima me comprou e me disse: " Bia, você tem que ler esse livro, tem umas citações que são sua cara". Além, da Ju, do blog Chuva Literária me convencer com sua resenha ! Fui ver e ler claro né? 

   Li em algumas horas e nossa ! Eu realmente precisava ler esse livro, tipo, agora, nessa minha fase de desapego. O livro conta a história da Isabela e sua vida amorosa, familiar e em relacionamentos. A Isa luta pelo desapego : "Desapegar: remover da sua vida tudo que torne o seu coração mais pesado."

   A Isabela é aquela garota que queria transformar sapos em príncipes, acreditando no amor verdadeiro e nas mudanças. Caras inicialmente interessantes a decepcionam.  A Isa acaba de por um fim a um namoro de dois anos com um cara canalha que a tratava como qualquer uma. A história vai se desencadeando entre passado e presente, relacionamentos anteriores e pensamentos sobre sua vida.

" Pessoas que nunca participam das cenas principais, nunca participam dos seus melhores sorrisos, das lágrimas mais sinceras, dos gritos que libertam. Tenha a seu lado somente aqueles que tornarão o seu filme inesquecível e único ".

Nunca me identifiquei tanto com um livro como foi com esse. Aquela história de procurar o amor nunca foi minha praia, se vocês me entendem. Sou do contra e desapego mais fácil que a Isa. Aquele coração de vidro, que ora corta, ora quebra. Desapegar: livra-se de tudo aquilo que nos faz mal, seja coisas materiais ou sentimentos, passados. Aquilo que deixamos guardados, esperando que mudem, mas isso nunca acontece.

" A gente só não pode desistir. Temos que aprender a rir da própria desgraça e a encontrar felicidade até nas decepções ".

Mesmo não tendo passado pelas mesmas situações da Isabela, já tive meu coração estilhaçado e amizades que não valiam um centavo. Me senti conversando com Isa, escutando seus problemas e frustações com relação ao amor e suas conclusoes.Não vou falar muito sobre o livro, porque estaria dando spoiler , mas SUPER recomendo !

" Eu não precisava de quem não precisava de mim. Eu não devia implorar por uma amizade que não fazia questão alguma de se manter em minha vida. O que é de verdade fica a seu lado, sem que você peça ".
kacomk.

NOTA :     



divulgar

1 comentário


Comentário(s) pelo Facebook:

Um comentário:

  1. Olá! Estou super interessada nesse livro (até pela divulgação positiva que ele anda recebendo).
    Adorei o seu blog! E pode apostar que irei visita-lo mais vezes ;D

    xx, Julie.
    feitasdepapel.blogspot.com

    ResponderExcluir