• Cinema
  • Inspiração
  • Leitura
  • Música
  • Playlist
  • Resenha
  • Série
  • Texto
  • Vídeo
01 abril 2015

Resenha As Confissões das Irmãs Sullivan, Natalie Standiford


Capa As Confissoes das Irmas Sullivan AG V2.indd

Título: As Confissões das Irmãs Sullivan
Autora: Natalie Standiford
Editora: Galera Record
Páginas: 352
Ano 2015
Sinopse: Quando o futuro da família está em jogo, não há segredo grande ou pequeno demais. A avó das irmãs Sullivan reúne a família para anunciar que em breve morrerá. E, possivelmente pior, que removeu toda a família de seu testamento. Como ela é a fonte de quase toda a renda familiar, isso significa que ficarão sem um tostão. Ela foi ofendida por alguém da família, mas diz que, se o ofensor se revelar com uma confissão do seu crime enviada para seu advogado, ela pode recolocar a família no testamento. Agora, nenhum segredo é grande ou demais para as irmãs Sullivan. E que comecem as confissões.



As Confissões das Irmãs Sullivan, de Natalie Standiford, mesma autora de " Como dizer adeus em robô", da Galera Record lançado este último mês, com um título interessante e que logo despertou minha curiosidade. No natal, a mulher mais poderosa dos Sullivan reúne a família ao anunciar que morrerá em breve e que retirou a família do testamento, pois alguém a ofendeu e exige as confissões dessa pessoa até o ano-novo, para redimir a familia da herança.

Logo, as irmãs Sullivan: Norrie, Jane e Sassy decidem fazer suas cartas de confissões. O livro é dividido nas confissões das 3 irmãs e narrado em primeira pessoa. A confissão de Norrie para mim foi a melhor, mais interessante e dá para conhece-la bem por sua rotina e seu namoro com um cara mais velho.

"Tentei me comportar direito e fazer o que a família precisava que eu fizesse. Mas me apaixonei. E me apaixonar me enlouqueceu." 

 A segunda história é de Jane, que cria um blog para falar sobre " sua família malvada", contando todas as histórias e segredos que sua família esconde.

“Mesmo se eu quisesse, não seria capaz de me espremer de volta para dentro do globo de neve antigo onde todo mundo queria que eu ficasse. O vidro já havia se quebrado." 

Na terceira parte, Sassy, a irmã mais nova das garotas conta fatos rotineiros e no final algo misterioso que ela acha que perturba a avó.
"Talvez eu fosse ingênua. Talvez eu estivesse enganando a mim mesma."

Cada uma das irmãs revela seus segredos e o que poderiam ter feito para decepcionar a avó. Achei o livro em si bem interessante, principalmente a forma como teve o desfecho do final. Para quem busca uma leitura leve, sem compromissos e para ler de uma sentada só, apesar das 348 páginas.

 NOTA: ★★★ 


divulgar

comentar


Comentário(s) pelo Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário