• Cinema
  • Inspiração
  • Leitura
  • Música
  • Playlist
  • Resenha
  • Série
  • Texto
  • Vídeo
15 junho 2015

Texto: Medos

          
Todo mundo que ama tem medo de perder a pessoa amada. Não que isso seja uma coisa boa em 100% dos casos, por que essa sensação não pode ser a única coisa que prende duas pessoas, mas ela deve existir, afinal o medo está ligado ao instinto de sobrevivência, que nesse caso é a sobrevivência do relacionamento.Essa coisa toda está atrelada às boas escolhas, que está atrelada ao caráter. E se vc for perceber tudo isso vira uma bola de neve.

Fico pensando quantas pessoas no mundo tomam decisões pensadas, quantas se preocupam com as conseqüências, quantas decidem correr riscos calculados e quantas tornam esse risco um medo que paralisa. Sabe onde exatamente esse medo nos leva? Eu poderia dizer a nenhum lugar, por que de fato não deixa nos mover e tomar uma decisão, por outro lado ele também nos leva a angústia por estarmos presos e por prendermos a liberdade que está dentro de nós. 

Eu não vou expor estatísticas, não quero falar de números, quero desesperadamente encontrar o caminho da liberdade. Analisando melhor talvez eu não encontre a liberdade procurando, mas a encontre quando enfrentar o medo me sentindo segura de quem sou e para onde vou e a partir disso aprender a não colocar ele em lugar de importância. Uma pessoa que admiro muito disse em tom incentivador: não vou diminuir meus sonhos para acomodar meus medos. E eu não vou. Meus sonhos são grandes e meus medos não cabem nos planos.

Por Luiza Pellizon (retratosdeluiza.blogspot.com.br)


divulgar

comentar


Comentário(s) pelo Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário