• Cinema
  • Inspiração
  • Leitura
  • Música
  • Playlist
  • Resenha
  • Série
  • Texto
  • Vídeo
07 outubro 2015

Resenha:The Game #1 - Anders de La Motte


[O Jogo]

Título:Trilogia The Game # 1
Autor: Anders de la Motte
 Páginas: 272
Editora: DarkSide
Gênero: Suspense e mistério
Ano : 2015
Sinopse: [O Jogo] - Você quer jogar? É só um jogo. Isso é o que pensa Henrik “HP” Peterson, protagonista da Trilogia The Game, ao aceitar um convite anônimo, via celular, para participar de missões inusitadas pelas ruas de Estocolmo. Mas a cada tarefa cumprida, e devidamente compartilhada na rede, ele tem a sensação de que a brincadeira está ficando séria demais. Será paranoia? Ou será que HP está realmemte caindo numa poderosa rede de intrigas, com conexões que poderiam chegar aos responsáveis pelo assassinato do primeiro ministro sueco em 1986 ou até mesmo aos ataques do 11 de setembro? Quem afinal está por trás desse JOGO? Você tem coragem de investigar? Então você precisa ler [O Jogo], primeiro livro da Trilogia The Game, de Anders de la Motte. Uma saga eletrizante que combina a escola sueca de suspense (vide Stieg Larsson) com o vazamento de informações no mundo pós Edward Snowden. Anders de la Motte é um ex-policial e diretor de segurança de informação de uma das maiores companhias de TI do mundo. Está desenvolvendo uma série para a TV americana com o produtor executivo de Homeland e 24 Horas. A Trilogia The Game conta a história de HP, o pequeno trambiqueiro que está só contando o tempo necessário para largar o subemprego e voltar a receber o seguro social. A outra jogadora é a detetive Rebecca Normén, recém promovida para o grupo de elite do Serviço de Segurança sueco. Enquanto sua carreira decola quase por acaso, mensagens anônimas deixam claro que segredos do seu passado não estão tão bem guardados assim. Fenômeno em diversos países, a Trilogia The Game é surpreendente, divertida e assustadora na medida certa. Um thriller dos tempos de hoje, onde tudo o que acontece numa tela touchscreen já não pode mais ser considerado virtual. 

Depois de várias chamadas do Geek Freak sobre a trilogia The Game, resolvi comprar o livro e acabei me surpreendendo muito, até porque toda a diagramação da DarkSide já te conquista.

 Inicialmente somos apresentados ao HP(Henrique Pettersson),  um homem instável, que não tem emprego, namorada, amigos próximos e nem familiares. Em um dia, ele encontra um celular perdido no metro e recebe mensagens misteriosas que o convidam a participar de um jogo, que funciona como aplicativo de celular e nas mensagens contem missões a serem executadas, acumulando pontos que depois serão trocados por dinheiro.

 Enquanto isso, Rebeca já passou por momentos traumáticos na sua vida, é insegura e não consegue ficar em relacionamentos longos, devido ao seu antigo amor conturbado. Dois personagens diferentes, com objetivos e vidas distintas, mas que suas histórias estarão conectadas em algum momento e é nesse jogo que não é apenas um game qualquer.

Fiquei dividida quanto a minha avaliação da história. Eu gostei muito, tem uma pegada de mistério e suspense que abrange muitos personagens e me levou a conclusão que li e não era aquilo que eu pensava, tinha algo bem maior por trás. O livro vario de interessante para morno em alguns momentos, mas a história é louca e insana, relacionando o mundo cibernético com missões impossíveis .

A continuação será lançada pela DarkSide ainda esse ano e trará o desenrolar de HP nesse jogo que ele pensou que tinha terminado bem.Para quem adora romances policiais e uma variação de suspense, esse é o livro. Lembrando que a edição da DarkSide é em capa dura e ainda vem um marcador em forma de celular.

NOTA:  ★★★★ 



divulgar

comentar


Comentário(s) pelo Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário