• Cinema
  • Inspiração
  • Leitura
  • Música
  • Playlist
  • Resenha
  • Série
  • Texto
  • Vídeo
03 fevereiro 2016

Resenha:Auggie & Eu, R. J. Palacio


Auggie & Eu

Título : Auggie & Eu
Autora : R.J Palacio
Editora: Intrínseca 
Páginas: 317
Ano:2015
Sinopse:A história de Auggie Pullman, o menino de aparência incomum que tem encantado milhares de leitores desde o lançamento do romance Extraordinário, em 2013, ganha agora novas perspectivas: Julian, Christopher e Charlotte são três personagens da vida de Auggie que narram nos três contos reunidos neste livro, seus encontros e desencontros com o amigo extraordinário.
O capítulo do Julian dá voz a um personagem controverso: o menino que liderava o bullying contra Auggie na escola. Enfim temos a oportunidade de entender o que o levou a agir dessa forma e o que Julian pensa das próprias ações. 

Ler "Auggie & eu" foi mais para matar a saudade e resgatar as coisas boas do meu coração. Tres historias que compoem um spin-off do livro Extraordinário, escrito pela R. J. Palacio. A narrativa é mais longa do que um conto e as histórias relatam os conflitos dos personagens.

Extraordinário, 365 dias extraordinários e "Auggie e eu" escritos pela R.J. Palacio foram escritos ao vivenciarem uma situação com seus filhos.A sensibilidade é algo comum em todos os livros escritos por ela e nao é pouco, que a gentileza e a emoção prometem mexer com seu coração.

No  capítulo do Julian conhecemos as intenções e os conflitos que Julian vivenciava. Você , se tiver lido 'Extraordinário" lembra-se que ele é um vilãozinho . Mas, através da narrativa de Palacio , percebemos que ninguém é bom ou ruim o tempo todo. Julian conta como foi conhecer Auggie, as mudanças que isso provocou na sua vida e porque ele foi tao cruel com ele.Em Plutão, acompanhamos um dia terrível do personagem Chris, o melhor amigo de Auggie, mas que em Extraordinário tivemos pouco contato. Chris e Auggie cresceram juntos e há três anos moram em cidades diferentes, acarretando assim no afastamento desses dois amigos.

Na narrativa de Plutão temos uma variação entre presente e flashbacks em que Chris conta o inicio da sua amizade de Auggie. Todo o cuidado e delicadeza nesta história,em que a força da amizade cativa mais do que imaginas.

Em Shingaling , a fofa Charlotte nos mostra como foi o ano que Auggie entrou para a escola Beecher Prep ,as confusões, preconceitos e nascer do respeito entre os coleguinhas de Auggie. Porém, as meninas viveram desafios entre elas. Charlotte sonha em ser uma atriz da Broadway e se dedica muito. Uma aluna exemplar, faz aulas de dança e quer estar preparada para conquistar seus sonhos.  

O preconceito é discutido entre as meninas. Charlotte é aquele personagem que já vivi quando era criança: fazer uma amizade com uma colega que achava uma coisa,mas era outra. 

Todas as  novelas são separadas por uma página de capa colorida e uma folha de rosto com citações . Indico a leitura para todos que já leram Extraordinário e para quem quer abrir o seu coração com essa leitura. Uma lição de vida, uma sensibilidade incrível vai ser transmitida através da escrita dessa mulher.

Nota:★★★



divulgar

comentar


Comentário(s) pelo Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário