• Cinema
  • Inspiração
  • Leitura
  • Música
  • Playlist
  • Resenha
  • Série
  • Texto
  • Vídeo
06 outubro 2016

Resenha:Para Sempre Minha #9 ,Abbi Glines

Para Sempre Minha

Título Original: Para sempre minha #9
Autora: Abbi Glines
Editora: Arqueiro
Páginas: 198
Ano: 2016
Gênero:: Romance, erótico

Sinopse: Alguns dos jovens de Rosemary Beach consideram Tripp Newark um herói. Há oito anos, ele abandonou uma vida meticulosamente planejada pelos pais para conquistar a independência. Pilotando sua Harley, Tripp desapareceu da cidade para viajar pelo mundo. E essa decisão o fez perder muito mais do que os milhões que herdaria. Bethy Lowry está vivendo o pior momento de sua vida. Há um ano e meio, Jace, seu namorado, morreu afogado ao salvá-la de uma forte correnteza. Sofrendo um período turbulento e ainda consumida pela culpa, ela vive sua rotina de maneira automática, com a certeza de que nunca mais voltará a amar. No entanto, sua vida está prestes a mudar. Quando tinha apenas 16 anos, Bethy teve um tórrido romance com Tripp, que é primo de Jace. Esse segredo continuaria enterrado para sempre se não fosse por um detalhe: Tripp Newark está de volta e determinado a reconquistá-la.

Ai gente, não consigo ler um livro da Abbi Glines e não me deliciar com sua escrita que ao mesmo tempo que é simples, também é cheia de segredos e reviravoltas.

Para Sempre minha é o livro 9 da série Rosemary Beach, da Abbi Glines, que contará a história de Bethy e Tripp. Depois de quase dois anos vivendo no piloto automático, Bethy parece começar a acordar para a vida e Tripp volta para mante-la segura, mesmo impossibilidade de chegar pelo dela, pelo ódio do passado e por fatos que destruíram os dois. Aos poucos, eles começam a se abrir um para o outro e a reaproximação acontece. Segredos, mágoas, dor, amor e reflexão virá a tona para os dois.

A culpa. Segundas chances. Recomeços. Temas que o livro aborda o tempo todo e entre todos os livros da série, este foi o menos erótico e o mais sincero de uma forma diferenciada do restante.O foco não era o sexo entre os dois, mas sim a superação do passado e a reaproximação dos dois.

"Todo mundo já teve um momento decisivo na vida.
Eu já tive esse momento, e ele tem me perseguido desde então.
A vida é assim mesmo. Ou você encontra a estrada certa para a felicidade,
ou lamenta cada passo. No meu caso, não sei qual estrada teria sido a melhor,
porque entre as alternativas, nenhuma incluía ela."

A escrita da Abbi Glines continua viciosa, fluida e leve. Impossível para mim foi largar a leitura antes do final. O livro é narrado do ponto de vista de Tripp e Bethy, no presente e há oito anos atrás, trazendo alguns flashbacks  do passado , lembrando o  de fato os magoou.”

Também podemos matar a saudade de toda a família de Rosemary Beach: Rush, Blaire, Grant, Hallow, Woods, Della , e os os pequenos participantes da família. Tripp é tão fofo e lindo, me surpreendeu tudo sobre ele. A Bethy foi a personagem menos queridinha das mulheres para mim, mas foi ótimo poder conhece-la e adentrar na sua vida.

O livro não é meu favorito, mas me agradou muito e como eu precisava de uma distração rápida , essa foi a opção da semana. Recomendo a leitura para fãs da Abbi Glines  e apesar de não ter tantas cenas calientes, este livro mostrará uma história conturbada e sensível.

“…você é minha. Sempre foi. Você era minha antes, e você ainda é minha agora.

Série Rosemary Beach:
1. Paixão Sem Limites;(Rush)
2. Tentação Sem Limites; (Rush)
3. Amor Sem Limites; (Rush)
4. Rush Sem Limites; (Rush)
5. Estranha Perfeição; (Woods)
6. Simples Perfeição; (Woods)
7. A Primeira Chance; (Grant)
8. Mais Uma Chance; (Grant)
9. Para Sempre Minha; (Bethy)
10. Kiro’s Emily;
11. When I’m Gone; (Mase)
12. When You’re Back. (Mase)


Nota★★★★



divulgar

comentar


Comentário(s) pelo Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário